Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Publicidade

Estado de Minas

Decisão na Arena


postado em 27/03/2019 05:08

Marlon diz que eliminação do Minas hoje seria injusto com o time e com a torcida pela campanha na Superliga(foto: Túlio Santos/EM/D.A Press %u2013 22/10/18)
Marlon diz que eliminação do Minas hoje seria injusto com o time e com a torcida pela campanha na Superliga (foto: Túlio Santos/EM/D.A Press %u2013 22/10/18)

 

Uma partida de alta pressão. Assim os jogadores do Minas e o técnico Nery Tambeiro encaramo duelo de hoje, contra o Sesc-RJ, às 21h30, na Arena Minas. Como perdeu o primeiro jogo no Rio, por 3 a 1 (26/24, 20/25, 28/26 e 25/22), o time mineiro precisa da vitória para não ser eliminado da Superliga Masculina de Vôlei nas quartas de final. O terceiro jogo, se necessário, será sexta-feira, às 21h30, novamente na capital fluminense.

Esta é a série considerada mais equilibrada desta fase. Prova disso é o placar apertado em todos os sets, tendo ido a dois duas vezes. Tambeiro entende que o jogo foi decidido nos detalhes. “Precisamos de mais tranquilidade no ponto a ponto. Paciência será fundamental.”

Para os jogadores, o Minas tem a vantagem de contar com a fanática torcida a seu lado. “Ela sempre nos ajudou e, mais que nunca, será fundamental. Vamos com tudo pra vencer e forçar o terceiro jogo. Fizemos uma bela campanha e seria injusto, com a gente e com a torcida, se acabasse agora”, diz o levantador Marlon.

Mas a equipe carioca quer voltar para o Rio com a classificação na bagagem. O ponteiro Djalma aposta no que deu certo no primeiro jogo: bom saque e eficiência na virada de bola. “Está tudo em aberto. Temos uma vantagem, mas que fica fora da quadra. Queremos vencer, o Minas precisa da vitória, então temos que ter a mesma postura do primeiro jogo, quando sacamos muito bem, e tentar atacar com a mesma eficiência. Vamos com tudo para ir à semifinal”, afirma.

Há um equilíbrio grande entre os times nesta temporada. O Minas venceu em BH, no returno e nas semifinais da Copa Brasil, enquanto o Sesc ganhou no turno, no Rio, e na abertura das quartas.

FEMININO Saíram ontem à noite os adversários de Minas e Praia nas semifinais da Superliga Feminina. As minas-tenistas vão enfrentar o Osasco, que bateu o Bauru por 3 a 1 (25/22, 25/23, 23/25 e 25/23). O destaque foi a norte-americana Hooker, autora de 34 pontos.

Já o Praia vai encarar o Sesi-SP, que despachou o Sesc-RJ de Bernardinho ao vencer por 3 a 1 (24/26, 27/25, 25/23 e 25/19), no Rio.

 

fique ligado

2º JOGO DAS QUARTAS DE FINAL
Minas x Sesc-rj
l SporTV2, 21h30


Publicidade