Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Vale vaga nas semifinais

Minas e Praia podem assegurar nesta noite a classificação à próxima fase da Superliga. Enquanto as minas-tenistas recebem o Curitiba, meninas do Triângulo visitam o Fluminense


postado em 21/03/2019 05:11

Maior pontuadora do MTC no primeiro jogo, na capital paranaense, Mara é uma das armas do técnico Stefano Lavarini(foto: Fotos: Marcos Vieira/EM/D.A Press - 19/2/19)
Maior pontuadora do MTC no primeiro jogo, na capital paranaense, Mara é uma das armas do técnico Stefano Lavarini (foto: Fotos: Marcos Vieira/EM/D.A Press - 19/2/19)

 


Minas e Praia, as duas melhores equipes da Superliga Feminina de Vôlei, podem garantir hoje a classificação às semifinais da competição. Os dois times estrearam nas quartas de final com vitória sobre Curitiba e Fluminense, respectivamente, ambas por 3 a 0. Triunfo nesta noite fechará a série melhor de três. O MTC será o primeiro a entrar em quadra, às 19h, na Arena Minas. O Praia pega o Fluminense às 21h30, no Ginásio da Hebraica, no Rio de Janeiro. Os dois jogos terão transmissão do Sportv2.

A aposta do técnico minas-tenista, Stefano Lavarini, é no conjunto da equipe. O time mostra uniformidade de aproveitamento, tanto que todas as jogadoras têm pontuação alta em todos os confrontos. Para ter uma ideia, na segunda-feira, em Curitiba, três atletas terminaram acima dos 10 pontos: a meio de rede Mara (17) e as ponteiras Gabi (15) e Natália (14), Além delas, a meio de rede Carol Gattaz e a oposta Bruna Honório marcaram nove pontos cada uma.

Por isso, a força coletiva e a únião do grupo são apontados como trunfo para a classificação. “Temos pela frente um adversário difícil, formado por jogadoras experientes. O resultado de lá já é passado. Será outro jogo. Elas virão para o tudo ou nada e acima de tudo precisamos ter tranquilidade. Ganhamos, no Paraná, nos detalhes. O importante foi vencer. É bom ressaltar que as quartas de final só têm jogos difíceis. É um outro campeonato. É um contra o outro. Muda tudo”, ressalta Gattaz.

Os ingressos para a partida contra o Curitiba estão à venda no site www.eventim.com.br. As entradas estarão disponíveis também na bilheteria da Arena MTC, a partir das 17h30. A inteira custa R$ 20 e a meia R$ 10. Os 100 primeiros torcedores que estiverem na fila com a camisa da torcida e que doarem 1kg de alimento não-perecível (exceto sal ou fubá) entrarão de graça.

EM BUSCA DO BI No Praia o pensamento é que a partida desta noite será bem mais difícil que a primeira, quando venceu em casa, por 3 a 0. A meio de rede Carol, maior pontuadora no duelo em Uberlândia, com 17 pontos – coincidentemente o mesmo total de Mara, do Minas –, diz que no confronto de hoje o time carioca tem a vantagem de contar com o apoio da torcida. “Querendo ou não, isso ajuda muito. Faz diferença e dá mais confiança. Mas a gente vai tentar não sentir essa pressão”, afirma a melhor bloqueadora da competição, com 85 ações.

Carol está otimista quanto à classificação às semifinais. “Estou contente pela forma como iniciamos o playoff. Temos uma boa vantagem e, agora, precisamos jogar como em Uberlândia, para conseguirmos avançar às semifinais. Sinto que o nosso time cresceu. Se ajustou e estamos brigando em busca do título, do bicampeonato.”


Publicidade