Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Líder. E secador ligado

Atlético vence o Tupi com reservas, 'dorme' na ponta da tabela e torce hoje por empate entre América e Cruzeiro. Time agora se concentra na Libertadores, com duelo na quarta


postado em 17/02/2019 05:09

Em mais uma oportunidade na equipe com formação alternativa, Alerrando abriu o placar para o Galo no Independência: triunfo por 2 a 0(foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)
Em mais uma oportunidade na equipe com formação alternativa, Alerrando abriu o placar para o Galo no Independência: triunfo por 2 a 0 (foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)


Enquanto o time principal treinou pela manhã mirando o jogo com o Defensor-URU, quarta-feira, em Montevidéu, pela Copa Libertadores, os reservas do Atlético venceram o Tupi por 2 a 0, ontem à noite, no Independência. Assim, garantiram, ainda que provisoriamente, a liderança do Campeonato Mineiro, que está na sétima rodada. Os gols foram marcados no segundo tempo por Alerrando e Vinícius. Agora, a atenção de todos no Galo está concentrada no duelo de ida da terceira fase da competição continental. Caso passe pelos uruguaios (o confronto de volta será no dia 27), o alvinegro estará na fase de grupos.

Todos os principais jogadores foram poupados, inclusive o goleiro Victor. Mas os reservas deram conta do recado pelo segundo jogo consecutivo (vinham de triunfo por 1 a 0 sobre a Caldense) e alguns valores começam a se destacar, como o atacante Maicon Bolt, que deu assistência para o primeiro gol, além de criar boas jogadas.

“Espero ter atuações melhores do que esta. Com mais ritmo vou conseguir desempenhar um pouco mais. Fizemos boa partida e mostramos que temos um grupo forte. Estamos bem na Libertadores e também no Mineiro”, afirmou Bolt, que mantém a tranquilidade. “Treino e jogo para estar sempre entre os 11, mas o Levir sabe o que faz. O que tenho de fazer é continuar me dedicando”. Já o lateral-direito Guga, que deu passe para o segundo gol, teve o nome gritado várias vezes pela torcida, insatisfeita com Patric, que vem sendo o titular.

Mesmo sem muito entrosamento, o Atlético começou pressionando. Aos 11min, Maicon Bolt foi lançado por Alerrandro pela direita e, com pouco ângulo, tentou a finalização, acertando o travessão. Quatro minutos mais tarde, Carlos César bateu da entrada da área, a bola desviou em adversário e tocou novamente no travessão antes de sair.

O Atlético continuou melhor, mas teve dificuldades para romper o ferrolho montado pelo time de Juiz de Fora. Assim, uma saída foi tentar arrematar de fora da área, como fez Zé Wellison aos 28min, assustando o goleiro Vilar. Já nos acréscimos, Maidana conseguiu aproveitar de cabeça escanteio da direita, mas mandou por cima.

A pressão atleticana cresceu na segunda etapa. Logo aos 30 segundos, Terans bateu de dentro da área e Vilar fez grande defesa. Aos 2min, Vinícius chutou de fora e o goleiro pegou firme. Aos 5min, o arqueiro nada pôde fazer em arremate de Alerrandro, de dentro da área. A bola ainda tocou num jogador de defesa antes de entrar.

Sem diminuir o ritmo, o Galo foi criando chances. Aos 27min, Guga cruzou e Carlos César tentou de primeira, mandando à esquerda. Aos 33, Vinícius teve oportunidade dentro da pequena área, mas chutou em cima do zagueiro.

Aos 36min, porém, Vinícius não desperdiçou, fazendo o segundo depois de cruzamento rasteiro de Guga que a zaga não cortou. Foi o primeiro gol dele com a camisa alvinegra.

OUTRO JOGO Também ontem, o Tombense bateu o Villa Nova por 3 a 1, de virada, em Tombos. Ramires abriu o marcador para o time de Nova Lima aos 4min, mas Juan empatou cinco minutos depois. Ainda no primeiro tempo, aos 19min, Lucas fez o segundo para os donos da casa. Aos 23min da etapa final, Cássio marcou o terceiro.


FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO 2 X 0 TUPI

Atlético: Cleiton; Guga, Leonardo Silva, Iago Maidana e Carlos César (Hulk 39 do 2º); Zé Welison, Lucas Cândido, Vinícius e Terans (Daniel Penha 37 do 2º); Maicon Bolt e Alerrandro (Nathan 42 do 2º)
Técnico: Levir Culpi
Tupi: Vilar; Afonso, Thiago, Aislan e Leo Felipe; Max Carrasco, Diego Gomes, Baiano (Hugo Ragelli 29 do 2º) e Eduardo Nardini (Saulo 13 do 2º); Gabriel Costa (Breno 37 do 2º) e Romarinho
Técnico: Gerson Evaristo
7ª rodada do Campeonato Mineiro
Estádio: Independência
Gols: Alerrandro 5 e Vinícius 36 do 2º
Árbitro: Antônio Márcio Teixeira da Silva
Assistentes: Guilherme Dias Camilo e Leandro Salvador da Silva
Cartão amarelo: Afonso, Leonardo Silva
Público: 9.491
Renda: R$ 65.944
Próximos jogos: Villa Nova (C), Patrocinense (F) e América (C)
Atleticanos suspensos: Nenhum


Publicidade