Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas

Racismo repercute na Itália


postado em 29/12/2018 05:07

Contra a Sampdoria, Juventus de Cristiano Ronaldo tenta apagar a má impressão deixada diante do Atalanta, na rodada passada(foto: MARCO BERTORELLO/AFP)
Contra a Sampdoria, Juventus de Cristiano Ronaldo tenta apagar a má impressão deixada diante do Atalanta, na rodada passada (foto: MARCO BERTORELLO/AFP)

Em meio a um clima conturbado depois dos insultos racistas na partida entre Napoli e Internazionale, a 19ª e última rodada do returno do Campeonato Italiano será disputada hoje com 10 jogos. A atração é a líder, Juventus, que contará novamente com Cristiano Ronaldo para defender a invencibilidade diante da Sampdoria, em casa. A Juve quer apagar a má impressão deixada contra o Atalanta. O time de Turim chegou a estar perdendo por 2 a 1 em Bergamo e precisou que Cristiano Ronaldo, que estava no banco, entrasse e fizesse o gol de empate. A missão, no entanto, não será fácil. A equipe de Cristiano, confirmado como titular, vai enfrentar uma embalada Sampdoria, que venceu os últimos três jogos. Outro duelo interessante envolve o vice-líder, Napoli, contra o Bologna (18º), em Nápoles.

A competição terá um recesso de três semanas e voltará a ser disputada em 19 de janeiro. Enquanto isso, o caso de racismo continua repercutindo. Ontem, a Uefa e o FifPro (sindicato mundial dos jogadores) criticaram o árbitro Paolo Mazzoleni por falhar ao não adotar protocolos antirracismo após sons imitando macaco serem dirigidos ao zagueiro Kalidou Koulibaly, do Napoli, durante a derrota da equipe por 1 a 0 para a Inter. O time de Milão foi punido com dois jogos atuando com portões fechados.  Para completar, também ontem a Procuradoria de Milão puniu sete torcedores da Inter envolvidos em brigas com torcedores do Napoli nos arredores do Giuseppe Meazza. Eles estão proibidos de entrar em sedes de eventos esportivos, inclusive em disputas fora do país. Os conflitos deixaram um morto e quatro feridos. A vítima, um homem de 35 anos, foi atropelada por veículo que levava torcedores do Napoli para o local da partida.

COMEÇO NA INGLATERRA Seis jogos abrem hoje a primeira rodada do returno do Campeonato Inglês, tendo o líder, Liverpool, como destaque. Em sequência complicada, o time de Jürgen Klopp recebe o Arsenal, em casa, e visitará o Manchester City na quinta-feira, em Manchester. A equipe atravessa grande fase e começou bem a maratona de fim de ano na Inglaterra (quatro rodadas em 15 dias), vencendo por 4 a 0 o Newcastle na tradicional rodada do Boxing Day.

Depois de golear o Bournemouth por 5 a 0 na quarta-feira, o Tottenham recebe outra equipe da metade da tabela, o Wolverhampton (11º). Os Spurs tentam seguir o ritmo frenético do Liverpool e, por enquanto, estão conseguindo: são seis vitórias seguidas e 11 gols marcados nos últimos dois jogos. O Manchester City só entra em campo amanhã, contra o Southampton, fora de casa.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade