UAI
Publicidade

Estado de Minas CPI DA COVID

Flávio diz que Jair Bolsonaro vai rir de relatório e imita risada do pai

Relatório da CPI da COVID pede indiciamento do presidente Jair Bolsonaro por mais de dez crimes


20/10/2021 12:01 - atualizado 20/10/2021 12:11

Senado Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ)
Flávio Bolsonaro durante entrevista coletiva nesta quarta-feira (foto: Roque de Sá/Senado)
Senador e filho do presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido), Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) ironizou o possível indiciamento do pai pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da COVID, instalada pelo Senado. Nesta quarta-feira (20/10),  antes da reunião que marcou a apresentação do texto , o senador chegou a imitar a risada de Jair Bolsonaro. 

"Eu acho que ele vai receber da seguinte forma, você conhece aquela gargalhada dele? Hahahahaha, porque não tem o que fazer de diferente disso.  É uma piada de muito mal gosto o que o senador Renan Calheiros  faz", afirmou Flávio, ao ser questionado como o presidente vai receber o indiciamento.

O relatório da CPI da COVID, produzido pela senador Renan Calheiros (MDB-AL), indicia Bolsonaro por mais de dez crimes. Outras 68 pessoas serão indiciadas caso o texto seja aprovado na próxima terça-feira (26/10).

"O relatório, de cara, de pronto, inconstitucional, não tem nada que se aproveite. Ele prestou um grande desserviço à população. O maior escândalo de corrupção que a CPI acusa o governo federal de ter feito é de uma vacina que sequer foi comprada, não foi gastado um real de dinheiro público e eles estão falando em corrupção", completou Flávio, ao criticar o texto.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade