Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Queiroga sobre vacinar Bolsonaro: 'Quando ele assim desejar'

O ministro da Saúde participou de ação simbólica em Brasília e aplicou doses da vacina no ministro de Relações Exteriores e no presidente do Banco Central


14/06/2021 16:41 - atualizado 14/06/2021 18:24

Queiroga vacina Carlos Alberto França(foto: Walterson Rosa/MS)
Queiroga vacina Carlos Alberto França (foto: Walterson Rosa/MS)
O ministro da Saúde Marcelo Queiroga afirmou nesta segunda-feira (14) que irá vacinar o presidente Jair Bolsonaro contra a COVID-19 "quando ele assim desejar". Hoje, Queiroga participou de ação simbólica em Brasília e aplicou doses da vacina no ministro de Relações Exteriores, Carlos França, e no presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto.

"O presidente sempre brigou pela liberdade das pessoas. O nosso governo é um governo liberal que defende o direito à liberdade, o direito às escolhas e na hora que o presidente se sentir confortável, ele vai tomar a decisão dele", afirmou Queiroga na saída do Ministério da Saúde nesta tarde.

Crítico da imunização, na semana passada Bolsonaro repetiu que seria o último a se vacinar contra COVID-19 e que daria lugar a quem precisasse e estivesse "desesperado".


Copa América


O ministro também informou que até o momento foram identificados dez trabalhadores dos hotéis onde estão os atletas e comissão técnica que disputam a Copa América contaminados pelo novo coronavírus. Segundo Queiroga, os trabalhadores e com quem eles mantiveram contatos foram isolados.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade