Publicidade

Estado de Minas MANIFESTAÇÃO

BH e mais de 30 cidades terão protestos neste sábado contra Bolsonaro

Em Belo Horizonte, a manifestação está marcada para às 10h, na Praça da Liberdade


28/05/2021 14:46 - atualizado 28/05/2021 15:27

(foto: Redes Sociaiss/Reprodução)
(foto: Redes Sociaiss/Reprodução)
Quase uma semana depois que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tomou as ruas do Rio de Janeiro e sem máscara se aglomerou com diversos apoiadores, mesmo em meio à pandemia da COVID-19, a oposição juntou forças e promove, na tarde deste sábado (29/5), uma manifestação chamada de “O povo na rua: fora Bolsonaro”. 

Os manifestantes pedem, além da queda do presidente, o fim do negacionismo promovido por Bolsonaro durante a pandemia. O presidente insiste em recomendar o uso de remédios sem eficácia comprovada, não utiliza máscaras no Brasil e é acusado de promover o 'tratamento precoce', que também não foi comprovado cientificamente.

Além da bandeira de "Fora, Bolsonaro", os manifestantes querem declarar apoio à CPI da COVID e pedir rapidez na vacinação e retorno do auxílio emergencial de R$ 600. Movimentos como a luta antirracista, o fim da violência policial no Brasil e a educação publica também estão na pauta.

Apesar de ser contra a ida às ruas, a esquerda usa a justificativa de que “não dá mais para esperar”. As frentes Povo sem Medo, Brasil Popular e Coalizão Negra por Direitos, a UNE (União Nacional dos Estudantes), a CUT (Central Única dos Trabalhadores) e o MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) estão à frente do movimento. PT, PSOL, PC do B, PCB, PCO e UP também estão participando da articulação.

Cartaz da manifestação(foto: Redes Sociaiss/Reprodução)
Cartaz da manifestação (foto: Redes Sociaiss/Reprodução)


Pelas redes sociais, os organizadores lembram o uso obrigatório de máscaras e álcool em gel para proteção contra a COVID.

O coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e ex-candidato à presidência da República e à prefeitura de São Paulo pelo PSOL, Guilherme Boulos, convocou na quinta-feira (20/5), por meio de suas redes sociais, a ida ao ato.

“Vamos às ruas dia 29 contra Bolsonaro! O Brasil não aguenta sangrar até 2022. Com máscara PFF2, distanciamento e muita disposição de luta. #PovoSemMedo #ForaBolsonaro”, escreveu.



Manifestação em Belo Horizonte

Na capital mineira, a manifestação contra Bolsonaro está marcada para acontecer na Praça da Liberdade, às 10h da manhã. 

Manifestação em BH vai acontecer na Praça da Liberdade(foto: Redes Sociaiss/Reprodução)
Manifestação em BH vai acontecer na Praça da Liberdade (foto: Redes Sociaiss/Reprodução)


Os organizadores pedem, via redes sociais, que os manifestantes levem cartazes, máscaras PFF2 ou N95, álcool em gel, uma blusa extra e gases.

O local vem sendo usado para manifestações a favor do presidente Bolsonaro durante a pandemia. Sem máscara, alguns apoiadores do presidente vem se aglomerando para defender a permanência do chefe do Executivo.

Recomendações para os manifestantes(foto: Redes Sociaiss/Reprodução)
Recomendações para os manifestantes (foto: Redes Sociaiss/Reprodução)


Cidades e Locais

REGIÃO SUDESTE

MINAS GERAIS

  • Belo Horizonte - Praça da Liberdade - 10h
  • Itabirito - Prefeitura - 8h
  • Viçosa - 4 Pilastras - 9h
  • Barbacena - Praça da Matriz - 10h
  • Uberlândia - Praça Irene Mendes - 9h30
  • Uberaba - Praça Rui Barbosa - 11h
  • Juiz de Fora - (a definir)
  • Montes Claros - (a definir)

OUTRAS CIDADES

  • São Paulo - MASP - 16h
  • Campinas - Lago do Rosário - 10h
  • Santos - Estação Cidadania - 16h
  • Rio de Janeiro - Monumento Zumbi - 10h

REGIÃO NORDESTE
  • Maceió - Praça dos Marítimos - 9h
  • Arapiraca - (a definir)
  • Recife - Praça do Derby - 9h
  • Teresina - Praça Rio Branco - 8h
  • Juazeiro do Norte - Praça da Prefeitura - 8h
  • João Pessoa - Parque da Lagoa - 9h
  • Patos - Correios - 8h
  • Salvador - Campo Grande - 10h
  • Aracaju - Praça dos Eventos - 8h
  • Fortaleza - Praça Gentilândia - 15h30
  • Natal - Shopping Midway - 15h
  • Mossoró - Praça Cícero Dias - 16h


REGIÃO SUL

  • Porto Alegre - Prefeitura - 15h
  • Passo Fundo - Praça da Mãe -8h
  • Curitiba - Praça Santos Andrade - 15h
  • Florianópolis - Lagoa da Alfândega - 10h

REGIÃO NORTE

  • Araguaiana - Praça da Bandeira - 16h
  • Belem - Praça da Republica - 8h

REGIÃO CENTRO-OESTE

  • Goiania - Praça Civica - 9h
  • Cuiabá - Praça Alencastro - 15h
  • Brasília - Museu Nacional - 9h
* Estagiária sob supervisão da subeditora Ellen Cristie. 



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade