Publicidade

Estado de Minas COVID-19

Onyx Lorenzoni diz que pulgas e pássaros transportam COVID-19

Ele criticava os governadores e prefeitos que adotaram medidas restritivas para tentar conter a transmissão do coronavírus


25/03/2021 21:06 - atualizado 25/03/2021 21:42

O ministro Onyx Lorenzoni e o presidente Jair Bolsonaro, durante evento em Brasília(foto: AFP / EVARISTO SA - 27/08/2019)
O ministro Onyx Lorenzoni e o presidente Jair Bolsonaro, durante evento em Brasília (foto: AFP / EVARISTO SA - 27/08/2019)
O ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Onyx Lorenzoni (DEM), disse, nesta quinta-feira (25/3), que o lockdown não funciona. De acordo com ele, não é possível fazer um “lockdown dos insetos” e que essas espécies podem transmitir o vírus. No entanto, não há evidências a este respeito até o momento.
 

A declaração do ministro foi dada em uma entrevista para a Jovem Pan. Ele criticava os governadores e prefeitos que adotaram medidas restritivas para tentar conter a transmissão do coronavírus.

“Eu considero todos muito tolos. Não são inteligentes. Muitos ainda insistem numa ferramenta chamada lockdown que já está provada por várias experiências no mundo que é ineficiente.” 

Em seguida, questionou: “Alguém consegue impedir que nas áreas urbanas o passarinho, o cão de rua, o gato, o rato, a pulga, a formiga, o inseto, eles se locomovam? Alguém consegue fazer o lockdown dos insetos? É óbvio que não. E todos eles transportam o vírus, não são contaminados, mas podem transportar o vírus. Podem, é uma possibilidade”, concluiu. 

Praticamente inexistente 


A declaração do ministro, porém, não é comprovada pela ciência. No site da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) há uma seção de perguntas e respostas  sobre a COVID-19. Uma delas trata do assunto: “Os insetos que entram em casa podem funcionar como vetores para a COVID-19?”. 

A resposta, atualizada em fevereiro de 2021, é: “Até o momento não foi documentada a transmissão do novo coronavírus por moscas ou outros insetos”.

Em relação aos animais domésticos, a entidade afirma: Embora não existam estudos aprofundados sobre o tema até o momento, o risco de animais domésticos contraírem ou transmitirem o novo coronavírus é praticamente inexistente. Em todo o mundo há menos de 25 relatos de cães e gatos que contraíram o Sars-CoV-2 e nenhum relato oficial de animais que tenham transmitido para seus donos ou tutores. Além disso não há relatos de casos positivos de Covid-19 em animais no Brasil.”

Veja o vídeo:
 
 

*Estagiária sob supervisão do subeditor Eduardo Oliveira 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade