Publicidade

Estado de Minas FINAL DE ANO

Carla Zambelli pede à PGR que suspenda 'saidinha' de Natal

Na última semana, o Ministério Público de São Paulo tentou proibir a saída temporária de detentos no estado durante as festas de Natal e Ano-Novo


22/12/2020 18:18 - atualizado 22/12/2020 18:59

Carla Zambelli(foto: Agência Brasil/Reprodução)
Carla Zambelli (foto: Agência Brasil/Reprodução)
A deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) afirmou nesta terça-feira (22/12) que enviou uma carta cobrando o Ministério Público Federal, por meio da Procuradoria-Geral da República (PGR), a “urgente suspensão” da saída temporária de mais de 33 mil presos para o Natal. Entre eles, nomes famosos como os de Suzane Von Richthofen, Anna Carolina Jatobá e Elize Matsunaga.

“Enviamos um ofício à MPF  pedindo providências cabíveis quanto à saída temporária de Natal. Não é razoável que dezenas de milhares de presos possam sair por aí enquanto autoridades locais, com o argumento de conter o vírus, ENDURECEM as medidas restritivas sobre a população”, escreveu a deputada no Twitter.
 
 

Na última semana, o Ministério Público de São Paulo tentou proibir a saída temporária de detentos no estado durante as festas de Natal e Ano-Novo. Apesar disso, o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) manteve a decisão de liberar os detentos.


As detentas

Suzane von Richthofen, condenada por matar os pais em 2002, deixou a prisão na manhã desta terça-feira. Ela deve ficar em liberdade até o dia 5 de janeiro, quando deve voltar à Penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier em Tremembé (SP).
 
Além dela, Anna Carolina Jatobá, condenada pela morte da enteada Isabela Nardoni, e Elize Matsunaga, condenada por matar e esquartejar o marido Marcos Matsunaga, também tiveram o direito à saída temporária e deixaram o presídio na manhã dessa sexta-feira.
 
*Estagiária sob supervisão da subeditora Jociane Morais 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade