Publicidade

Estado de Minas ''Finalzinho''?

COVID-19: Zema rebate Bolsonaro sobre fim da pandemia

Presidente declarou, sem qualquer evidência científica, que a pandemia do coronavírus estaria "no finalzinho''


12/12/2020 11:51 - atualizado 12/12/2020 13:45

Zema reiterou, apesar do crescimento da epidemia no estado, a volta às aulas presenciais(foto: Gil Leonardi/Governo de Minas)
Zema reiterou, apesar do crescimento da epidemia no estado, a volta às aulas presenciais (foto: Gil Leonardi/Governo de Minas)

Aliado de primeira hora do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o governador Romeu Zema (Novo) não fez coro com o presidente sobre a previsão de fim da pandemia do coronavírus. 

Nessa quinta-feira (11/12),  contra qualquer  prognóstico da ciência, Bolsonaro disse que o Brasil estaria no  ‘’finalzinho da epidemia’’.



Números


“Os números nossos apontam diferente”, rebateu Zema em entrevista à Radio Band.  Nesse sábado, balanço da Secretaria de Estado da Saúde aponta que os casos em Minas estão em ritmo de crescimento.

“Em Minas,  tivemos um repique com número acentuado de casos  e elevação no números de óbitos”, afirmou o governador.

Volta às aulas


Zema também  reiterou que pretende retornar as aulas presenciais no estado de fevereiro. Ele destacou, no entanto, que se dependesse do governo de Minas, esse retorno já teria acontecido.

O governador lembrou ainda que liminar da Justiça impediu o retorno das aulas presenciais. Segundo o governador,  as escolas estaduais  “estão preparadas” para receber os alunos, apesar da pandemia do coronavírus. 

 

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade