Publicidade

Estado de Minas SUL DE MINAS

Prefeito de Varginha é reeleito menos de 6 meses após assumir o cargo

Vérdi Lúcio Melo tomou posse em abril, após renúncia do prefeito. Ele venceu com 55,87% dos votos


15/11/2020 23:51 - atualizado 16/11/2020 00:37

Atual prefeito continua no cargo com mais de 50% dos votos(foto: Reprodução Facebook)
Atual prefeito continua no cargo com mais de 50% dos votos (foto: Reprodução Facebook)
Atual prefeito de Varginha, no Sul de Minas, é reeleito com 55,87% dos votos. Vérdi Lúcio Melo (Avante) assumiu a prefeitura em abril, após renúncia de Antônio Silva. Ele continua no cargo ao lado do vice, Leonardo Ciacci (Progressistas). Outros sete candidatos disputaram a prefeitura da cidade.

 

Varginha tem cerca de 135 mil habitantes e quase 75 mil eleitores foram às urnas neste domingo (15). Vérdi Lúcio Melo alcançou 36.518 votos válido. Ele defendeu a coligação “Varginha segue em frente” pelos partidos Avante, Progressistas, PTB, Podemos, PMN, PSC, PSD, PROS, PRTB, Solidariedade e MDB.

 

“Eu quero agradecer a Deus pela oportunidade que nos deu, para mim e para meu o companheiro, Leornardo Ciacii, vivermos esse momento importante na história do município. Quero agradecer minha família, aos amigos e a cada um de vocês que empunharam essa bandeira. A bandeira da nossa gestão. Acreditando no meu nome e no nome do Leonardo. Trabalhamos muito, enfrentamos desafios, mas vencemos e estamos na história desse município”, disse o prefeito reeleito.

Vérdi tem 67 anos, é advogado, contador, foi vereador por três mandatos (97/2000, 2005/2008, 2009/2012), sendo presidente da Câmara Municipal em todas as oportunidades. Ele foi também foi vice-prefeito nas eleições passadas e seguiu no mandato até abril deste ano, quando assumiu o cargo de prefeito após renúncia de Antônio Silva.

 

Prefeito reeleito assume a prefeitura ao lado de Leonardo Ciacci (foto: Reprodução Facebook)
Prefeito reeleito assume a prefeitura ao lado de Leonardo Ciacci (foto: Reprodução Facebook)
“Eu confesso a vocês, que há mais de 20 anos, eu tenho o sonho de ser prefeito dessa cidade. Continuaremos nesses 45 dias prestando um serviço de qualidade para população e a partir do dia primeiro de janeiro, estaremos com toda a força, com uma equipe renovada, com sonhos renovados para atender toda a população”, completou.

 

O atual prefeito segue ao lado de Leonardo Ciacci (Progressistas). O vice-prefeito tem 55 anos, estava como vereador da cidade. Ele foi presidente da Associação Comercial de Varginha (Aciv) e da Câmara Municipal de Vereadores.

 

“Nós temos consciência que o pós-pandemia, vamos enfrentar muitas dificuldades. Mas tenho absoluta certeza, que a saúde, a educação e a geração de empregos, estão na pauta de nosso trabalho. Tenho certeza, que nós não vamos decepcioná-los”, promete Vérdi.

 

Panorama

Outros sete candidatos também disputaram a Prefeitura de Varginha. Zacarias Piva (PSL) ficou em segundo lugar, com mais de 14 mil votos representando 21,91%. Seguido de Rogério Bueno (PSB), com 9.110 votos, e Anderson Martins (PSDB), com 2746. Além de Demétrio Junqueira (REDE), Jonas Loureiro (PCdoB) e Maria da Penha (PSOL), que não ultrapassaram mil votos.

 

Ao todo, Varginha teve 74.556 votos, sendo 89% para candidatos concorrentes, 5,71% brancos e 5,29% nulos. O vereador mais votado na cidade foi Dudu Otoni (OTB) com 1293 votos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade