Publicidade

Estado de Minas FRASISTA

"Vai chegar uma hora que vai ultrapassar o limite", diz Bolsonaro

Em conversa na manhã desta quarta-feira, presidente Jair Bolsonaro (sem partido) manda recados


postado em 03/06/2020 09:29 / atualizado em 03/06/2020 10:20

- Alvorada (03/05/2020).

Publicado por Jair Messias Bolsonaro em Quarta-feira, 3 de junho de 2020

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) mandou recados, na manhã desta quarta-feira, por meio de uma conversa com seus seguidores, na portaria do Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência da República.

Em meio a queixas de seus apoiadores contra governadores da Bahia, Pará, Pernambuco e Rio de Janeiro- todos opositores do presidente-,  Bolsonaro disse  que "vai chegar um ponto que vai ultrapassar o limite de muita gente; vamos ter...'', respondeu o presidente.

Ele também demonstrou impaciência com as reclamações de um de seus apoiadores: "Peço que seja o mais rápido possível",  reagiu Bolsonaro por mais de uma vez,  que acabou por interromper o seguidor em sua exposição.

Recado para Witzel


"Eu não vou conversar com o Witzel. Até porque brevemente já sabe onde ele deve estar, né?", disse Bolsonaro, na saída do Palácio da Alvorada, pela manhã.

Decisão


Antes de se despedir dos apoiadores, Bolsonaro disse também que "a gente tem que buscar solução a curto prazo. Para em seguida emendar: "vai chegar a hora de a gente tomar uma decisão, aí".

O presidente que não usava máscara, aproveitou para provocar a imprensa que faz cobertura do local: "Sabe o que a imprensa vai dizer amanhã, que estou sem máscara", deixando o local sem dar entrevista, postura que vem adotando nos últimos dias.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade