Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Podemos está fora do acordo e defende manutenção de veto presidencial


postado em 12/02/2020 18:44

O líder do Podemos no Senado, Alvaro Dias (PR), afirmou que o partido está fora de acordo para derrubar o veto presidencial ao trecho que permite a parlamentares determinar a prioridade de pagamentos das emendas, que será analisado ainda nesta quarta (12) pelo Congresso.

"Imagino que colocar antes R$ 30 bilhões, agora R$ 19 bilhões, na mão do relator para distribuição é um exagero. É abrir portas para eventuais desvios que podem acontecer e, sobretudo, ignorar prioridades, pois quase sempre, nunca generalizando, a distribuição dos recursos ocorrem em função de interesses eleitoreiros", afirmou.

Reforma tributária

Segundo o líder, o partido indicará dois nomes no Senado para a comissão mista que discutirá as mudanças no sistema de impostos e tributação. Serão indicados os senadores José Reguffe (DF) e Oriovisto Guimarães (PR).


Publicidade