Publicidade

Estado de Minas

Donald Trump e Bolsonaro marcam novo encontro no G20

O encontro entre Trump e Bolsonaro será o segundo entre os dois presidentes. O primeiro foi na Casa Branca, em meados de março


postado em 26/06/2019 18:55

O encontro entre Trump e Bolsonaro será o segundo entre os dois presidentes(foto: BRENDAN SMIALOWSKI/CB/D.A Press)
O encontro entre Trump e Bolsonaro será o segundo entre os dois presidentes (foto: BRENDAN SMIALOWSKI/CB/D.A Press)
Osaka (Japão) -
Os presidentes dos Estados Unidos, Donald Trump, e do Brasil, Jair Bolsonaro, confirmaram uma reunião bilateral na sexta-feira, primeiro dia do encontro de líderes do G20. O detalhe: a conversa entre o brasileiro e o chefe da República Popular da China, Xi Jiping, ainda não está confirmada, por dificuldades da agenda, o que só deve ser definido nas próximas horas.
 
O pano de fundo do encontro de líderes do G20, que reúne os países com maior economia do mundo, é a guerra comercial travada entre a China e os Estados Unidos. Enquanto parte do governo brasileiro defende ampliar exportações para a China, outro grupo, ligado a Olavo de Carvalho, rejeita ligações com o país asiático. Um dos defensores dos negócios com a China é o vice-presidente Hamilton Mourão.
 
O encontro entre Trump e Bolsonaro será o segundo entre os dois presidentes. O primeiro foi na Casa Branca, em meados de março. A principal crítica de demais líderes do Brics - formado pelo Brasil, a Rússia, a China e a África do Sul - é um alinhamento de Bolsonaro com Trump. Entre integrantes do governo e do empresariado do Brasil, o país deveria abrir o foco das negociações, a partir das exportações e da diversificação de produtos de valor agregado, para além de minérios de ferro, soja e combustíveis.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade