Publicidade

Estado de Minas GOVERNADOR ELEITO DO DF

Ibaneis: governo federal não conseguirá formular nada se não estiver com Estados

"Vamos ter que empreender um novo modelo de gestão e desenvolvimento", disse o governador eleito do Distrito Federal


postado em 14/11/2018 10:27 / atualizado em 14/11/2018 10:48

Governador eleito do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
Governador eleito do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)

O governador eleito do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), defendeu um novo pacto federativo entre Estados e União e disse que o governo federal não conseguirá formular nada sem os Estados. Ele falou rapidamente com a imprensa ao chegar ao Fórum de Governadores, em Brasília, encontro que terá a participação do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL).

Para o futuro governador, é necessário um novo modelo de gestão porque o pacto federativo atual vem colocando municípios, Estados e União em situação difícil. "O governo federal não vai conseguir formular nada se não estiver em conjunto com Estados. Vamos ter que empreender um novo modelo de gestão e desenvolvimento", completou.

Segundo Ibaneis Rocha, não foi colocada uma pauta específica sobre renegociação de dívidas dos Estados ou outras questões. Ele disse que o primeiro encontro será uma "troca de problemas" e cada um terá a oportunidade de expor suas dificuldades. O governador eleito adiantou ainda que será entregue uma carta dos governadores como registro do encontro, "para o presidente saber o que fazer nos próximos anos".

Ibaneis negou que haja retaliação de colegas eleitos do Nordeste, que não confirmaram presença no encontro. "Não tem nada de retaliação, todos querem participar dessa nova forma de gestão", afirmou. O emedebista acrescentou que alguns dos futuros governadores da região não poderão participar por questões de agenda - ele disse que Renan Filho, eleito para comandar Alagoas, por exemplo, está em viagem.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade