Publicidade

Estado de Minas

Vice-governador de Minas recebe habeas corpus e deve ser liberado nas próximas horas

Antonio Andrade (MDB) é acusado pela Polícia Federal de participar de um esquema de pagamento de propina


postado em 12/11/2018 16:31 / atualizado em 12/11/2018 16:49

(foto: Gladyston Rodrigues/EM )
(foto: Gladyston Rodrigues/EM )
O ministro do Superior Tribunal de Justiça, Nefi Cordeiro, concedeu um habeas corpus na tarde desta segunda-feira ao vice-governador Antonio Andrade, preso na sexta-feira pela operação Capitu. O recurso foi ajuizado hoje pelo advogado do político, Rodrigo Ribeiro.

Antonio Andrade é acusado pela Polícia Federal  de participar de um esquema de pagamento de propina pela JBS enquanto foi ministro da Agricultura no governo de Dilma Rousseff, entre 2013 e 2014.
 
De acordo com o advogado, que está em Brasília, Antonio Andrade deve deixar a prisão, em Uberlândia, nas próximas horas. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade