Publicidade

Estado de Minas

Bolsonaro confirma que Ministério do Trabalho será anexado a outra pasta

Nos últimos dias houve especulação sobre uma possível extinção da pasta. Nesta quarta-feira o presidente eleito confirmou a informação, mas não especificou para onde o Ministério vai


postado em 07/11/2018 15:30

(foto: Lula Marques/Divulgação )
(foto: Lula Marques/Divulgação )
Criado há 88 anos, o Ministério do Trabalho será extinto e anexado a outra pasta, afirmou Jair Bolsonaro (PSL) nesta quarta-feira (7). “O Ministério do Trabalho vai ser incorporado a algum ministério”, disse o presidente eleito, sem especificar para qual pasta. A declaração ocorreu durante entrevista coletiva depois de encontro no Superior Tribunal de Justiça com Sérgio Moro. 


O Ministério do Trabalho, depois da declaração do presidente eleito, divulgou uma nota na qual afirma que “o futuro do trabalho e suas múltiplas e complexas relações precisam de um ambiente institucional adequado”. 

Confira:

"O Ministério do Trabalho, criado com o espírito revolucionário de harmonizar as relações entre capital e trabalho em favor do progresso do Brasil, completa 88 anos de existência no próximo dia 26 de novembro e se mantém desde sempre como a casa materna dos maiores anseios da classe trabalhadora e do empresariado moderno, que, unidos, buscam o melhor para todos os brasileiros.

O futuro do trabalho e suas múltiplas e complexas relações precisam de um ambiente institucional adequado para a sua compatibilização produtiva, e o Ministério do Trabalho, que recebeu profundas melhorias nos últimos meses, é seguramente capaz de coordenar as forças produtivas no melhor caminho a ser trilhado pela Nação Brasileira, na efetivação do comando constitucional de buscar o pleno emprego e a melhoria da qualidade de vida dos brasileiros."

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade