Publicidade

Estado de Minas

Como foi a comemoração da vitória no QG eleitoral de Bolsonaro em BH

Ao coro de 'Lula ladrão, Bolsonaro capitão', apoiadores do presidente eleito celebraram a vitória na noite deste domingo


postado em 28/10/2018 21:50 / atualizado em 28/10/2018 22:50

Apoiadores de Jair Bolsonaro (PSL) comemoraram em BH a vitória do militar(foto: Juarez Rodrigues/EM)
Apoiadores de Jair Bolsonaro (PSL) comemoraram em BH a vitória do militar (foto: Juarez Rodrigues/EM)

Quando a vitória de Jair Bolsonaro foi confirmada, a projeção da imagem do ex-militar em um telão de 10 metros de largura fez o grupo de aproximadamente mil apoiadores explodir em coro de "Lula ladrão, Bolsonaro capitão". No QG eleitoral do 'mito' em Belo Horizonte, na Avenida Antônio Carlos próximo ao Colégio Militar, apoiadores estavam reunidos desde as 17h deste domingo (28) para acompanhar a apuração.
 
Homem faz reverência a Jair Bolsonaro durante transmissão da live que o presidente eleito fez pelo Facebook(foto: Lucas Negrisoli/EM)
Homem faz reverência a Jair Bolsonaro durante transmissão da live que o presidente eleito fez pelo Facebook (foto: Lucas Negrisoli/EM)
Durante o discurso do presidente eleito um dos apoiadores chegou a tirar a camisa e fazer uma reverência em frente ao telão. Ele, que não quis se identificar, disse que não tinha palavras para descrever o momento. “Muita emoção, né? Não sei nem o que dizer”, afirmou. 

Manifestantes invadem a Avenida Antônio Carlos após a vitória de Jair Bolsonaro ter sido anunciada(foto: Juarez Rodrigues/EM)
Manifestantes invadem a Avenida Antônio Carlos após a vitória de Jair Bolsonaro ter sido anunciada (foto: Juarez Rodrigues/EM)
No auge da comoção, apoiadores de Bolsonaro invadiram a Avenida Antônio Carlos, que acabou sendo fechada por algumas horas no sentido Centro entre a portaria da UFMG e o Corpo de Bombeiros. No trecho passou um caminhão de som que agradeceu o apoio ao presidente eleito e convocou os manifestantes para um ato na Praça 7 de Setembro. 

(foto: Juarez Rodrigues/EM)
(foto: Juarez Rodrigues/EM)
Rodeados por food trucks e ambulantes que comercializavam bebidas alcoólicas, guloseimas e cigarros, os manifestantes gritaram palavras de ordem e de apoio ao militar.
 

O empresário Eduardo Oliveira, que é um dos coordenadores do %u201CQG%u201D(foto: Lucas Negrisoli/EM)
O empresário Eduardo Oliveira, que é um dos coordenadores do %u201CQG%u201D (foto: Lucas Negrisoli/EM)
O empresário Eduardo Oliveira, que é um dos coordenadores do “QG” e participa da organização desde o início da campanha afirmou que estava confiante que “hoje era o dia da vitória”. “O plano de governo dele é tudo o que o Brasil quer: economia, emprego, segurança, escolaridade. É o que o brasileiro quer, rapá, e é o que o Bolsonaro está dando pra gente agora. Confiamos no mito, confiamos no capitão”, disse.

A professora aposentada Diva Helena Dias Rodrigues (de rosa) e amigos que a acompanharam no QG(foto: Lucas Negrisoli/EM)
A professora aposentada Diva Helena Dias Rodrigues (de rosa) e amigos que a acompanharam no QG (foto: Lucas Negrisoli/EM)
Diva Helena Dias Rodrigues, professora aposentada, que se define como “devota de São Bento, o santo do exorcismo”, acompanhou a apuração no QG desde as 17h30 deste domingo. Ela, que chegou a organizar um “chá pró-bolsonaro” em sua casa com “22 indecisos que se transformaram em apoiadores aguerridos (do militar)” e a fazer um “altar com velas acesas permanentemente pedindo justiça”, acredita que o capitão reformado do exército é o melhor para o Brasil. “Não é possível ver a corrupção e achar que ela é o melhor para o povo. Queremos justiça, ordem, bom senso, religião. É o que o Brasil precisa”, disse.

O motorista de aplicativo Trajano Coelho com dois de seus filhos(foto: Lucas Negrisoli/EM)
O motorista de aplicativo Trajano Coelho com dois de seus filhos (foto: Lucas Negrisoli/EM)
O motorista de aplicativo Trajano Coelho foi com a mulher dele, Michelle Coelho, e os cinco filhos ao evento para comemorar a vitória de Jair Bolsonaro. “Viemos para curtir a apuração. Há esperança de um povo, da família, do futuro da nação em um governo Bolsonaro”, afirmou. 

O empresário Felipe Parreiras Morais, empresário se emocionou com a movimentação a favor de Bolsonaro(foto: Lucas Negrisoli/EM)
O empresário Felipe Parreiras Morais, empresário se emocionou com a movimentação a favor de Bolsonaro (foto: Lucas Negrisoli/EM)
Felipe Parreiras Morais, empresário, chegou ao local no fim da tarde se emocionou com a movimentação a favor do candidato do PSL e adjetivou a festa: “Bom pra c*, comoção muito grande. Vamos mudar né, meu irmão? O Brasil não tem vermelho, tem que tirar e colocar o verde e amarelo na liderança!”, disse. Ele ainda comemorou a eleição de Romeu Zema para o governo do estado. “Chega de vermelho, o povo quer o novo na política”, declarou. 

 

 

*Estagiário sob supervisão do subeditor Fred Bottrel  

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade