Publicidade

Estado de Minas

Eleitores em trânsito podem justificar ausência até as 17h


postado em 07/10/2018 11:32

Eleitores que estão fora do domicílio eleitoral justificam a ausência na votação em um posto localizado em um shopping no centro de Brasília (foto: José Cruz/Agência Brasil)
Eleitores que estão fora do domicílio eleitoral justificam a ausência na votação em um posto localizado em um shopping no centro de Brasília (foto: José Cruz/Agência Brasil)

Para justificar a ausência, o eleitor deverá saber o número do seu título de eleitor e apresentar um documento oficial de identificação. Cada turno conta como uma eleição.

Além dessas unidades em aeroportos, os tribunais regionais instalaram postos de justificativa em vários pontos do país. Em um shopping em Brasília, um dos locais mais procurados pelos eleitores em trânsito, a unidade já estava cheia na primeira hora de funcionamento.

“Cheguei às 8h15. Foi tudo muito tranquilo”, contou a servidora pública Camila Victor Arruda. Morando há três anos na capital, Camila ainda não tinha transferido o título do Ceará. “Como eu não ia votar não me envolvi muito nos debates e nas propostas, mas esta é uma eleição complicada com muitas divisões entre as pessoas”, avaliou.

Presidente de Mesa pela segunda vez, Paulo Henrique Vaz Santos Soares disse que, este ano, o sistema está mais ágil e as pessoas mais informadas. “A maioria chega aqui muito bem orientada, sabendo o que precisa fazer”, disse.

O farmacêutico Vladmir Ferreira Júnior precisou de ajuda. “Me orientaram muito bem e tudo foi muito tranquilo e rápido. As coisas estão muito organizadas aqui”, elogiou o eleitor que está em trânsito a trabalho.

O eleitor que não apresentar a justificativa no dia do pleito terá que preencher o formulário "pós eleição" que deverá ser entregue em um cartório eleitoral ou enviado ao juiz da zona eleitoral na qual é inscrito. Nestes casos, o prazo é de até 60 dias após cada turno da votação. Junto com o requerimento é preciso apresentar documentação comprobatória da impossibilidade de comparecimento à votação.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade