Publicidade

Estado de Minas

Confira os resultados das pesquisas Ibope e Datafolha com as intenções de voto para o Senado em MG

De acordo com o Datafolha, Dilma tem 23%, Pacheco, 15%, Jornalista Carlos Viana, 14% e Dinis Pinheiro 12%. Segundo o Ibope, Dilma tem 20%, Viana e Pacheco, 14%, e Pinheiro, 12% dos votos válidos


postado em 06/10/2018 20:23 / atualizado em 06/10/2018 20:41

As pesquisas de intenção de voto ao Senado em Minas apontam para a liderança da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) e embate técnico entre três candidatos para ocupar a segunda vaga ao Parlamento.

Segundo o Ibope, Dilma está com 20% dos votos válidos, seguida do jornalista Carlos Viana (PHS), do deputado federal Rodrigo Pacheco (DEM), com 14% cada, seguido do ex-presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Dinis Pinheiro (SD), com 12%, mas empatado na margem de erro.

No cálculo dos votos válidos, são excluídos da votos brancos, nulos e de indecisos. Se considerados os votos totais, sem excluir brancos, nulos e indecisos, Dilma tem 26% das intenções, seguida de Carlos Viana (PHS), com 19%, Rodrigo Pacheco (DEM), com 18%, e Dinis Pinheiro (SD), com 16%.

Já de acordo com o Datafolha, Dilma permanece na liderança, com 23% dos votos válidos, mas, com 15%, Rodrigo Pacheco apresenta leve vantagem frente a Carlos Viana (PHS), que tem 14% dos votos válidos, seguido de Dinis Pinheiro (SD), com 12%. Nos votos totais, quando não são excluídos votos nulos, brancos e indecisos, Dilma tem 28%, Rodrigo Pacheco, 19%, Jornalista Carlos Viana (PHS), 17%, e Dinis Pinheiro (SD), 15%.

Eles estão empatados na margem de erro.

Confira o desempenho de todos os candidatos nas duas pesquisas:

Pesquisa Ibope: Senado em Minas

Votos Válidos

Dilma Rousseff (PT): 20%
Jornalista Carlos Viana (PHS): 14%
Rodrigo Pacheco (DEM): 14%
Dinis Pinheiro (SD): 12%
Fábio Cherem (PDT): 9%
Rodrigo Paiva (Novo): 6%
Miguel Correa (PT): 5%
Bispo Damasceno (PPL): 4%
Coronel Lacerda (PPL): 4%
Ana Paula Alves (PCO): 3%
Professor Túlio Lopes (PCB): 3%
Professora Duda Salabert (PSOL): 2%
Vanessa Portugal (PSTU): 2%
Edson André dos Reis (Avante): 1%
Kaká Menezes (Rede): 1%


Votos totais

Dilma Rousseff (PT): 26%
Jornalista Carlos Viana (PHS): 19%
Rodrigo Pacheco (DEM): 18%
Dinis Pinheiro (SD): 16%
Fábio Cherem (PDT): 12%
Miguel Correa (PT): 7%
Rodrigo Paiva (Novo): 7%
Bispo Damasceno (PPL): 6%
Coronel Lacerda (PPL): 6%
Ana Paula Alves (PCO): 4%
Professor Túlio Lopes (PCB): 3%
Professora Duda Salabert (PSOL): 3%
Vanessa Portugal (PSTU): 2%
Kaká Menezes (Rede): 2%
Edson André dos Reis (Avante): 1%
Brancos/nulos para 1ª vaga: 16%
Brancos/nulos para 2ª vaga: 22%
Não sabe: 31%

Este é o quinto levantamento do Ibope realizado depois do início da propaganda eleitoral de rádio e TV. A margem de errro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. Foram ouvidos 2.002 eleitores, entre 4 e 6 de outubro. A chance da pesquisa retratar o momento atual é de 95%.

Pesquisa Datafolha: Senado em Minas

Votos válidos

Dilma Rousseff (PT): 23%
Rodrigo Pacheco (DEM): 15%
Jornalista Carlos Viana (PHS): 14%
Dinis Pinheiro (SD): 12%
Fábio Cherem (PDT): 9%
Rodrigo Paiva (Novo): 6%
Miguel Correa (PT): 5%
Coronel Lacerda (PPL): 4%
Bispo Damasceno (PPL): 3%
Professor Túlio Lopes (PCB): 2%
Duda Salabert (PSOL): 2%
Vanessa Portugal (PSTU): 1%
Ana Alves (PCO): 1%
Kaká Menezes (Rede): 1%
Edson André dos Reis (Avante): 1%

Votos totais

Dilma Rousseff (PT): 28%
Rodrigo Pacheco (DEM): 19%
Jornalista Carlos Viana (PHS): 17%
Dinis Pinheiro (SD): 15%
Fábio Cherem (PDT): 12%
Rodrigo Paiva (Novo): 8%
Miguel Correa (PT): 6%
Coronel Lacerda (PPL): 5%
Bispo Damasceno (PPL): 3%
Professor Túlio Lopes (PCB): 3%
Professora Duda Salabert (PSOL): 3%
Vanessa Portugal (PSTU): 2%
Ana Alves (PCO): 1%
Kaká Menezes (Rede): 1%
Edson André dos Reis (Avante): 1%
Brancos/nulos/1ª vaga: 13%
Brancos/nulos/2ª vaga: 20%
Não sabe/1ª vaga: 15%
Não sabe/2ª vaga: 28%

A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O Datafolha ouviu 2.926 eleitores de 70 municípios do estado, com 16 anos ou mais, nos dias 5 e 6 outubro. A pesquisa tem 95% de probabilidade de retratar o momento eleitoral, considerando a margem de erro.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade