Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Na Bahia, Haddad defende atuação da PF e respeito aos nordestinos


postado em 06/10/2018 11:19

O candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, defendeu a atuação da Polícia Federal para conter os problemas de segurança pública e lembrou o respeito que os governos do partido tiveram pelo povo nordestino. "Todas as regiões são importantes, mas o nordestino conheceu pela primeira vez o que é ser respeitado com nossos governos", disse o presidenciável a jornalistas no início de uma caminhada na Bahia, transmitida ao vivo pelas redes sociais do PT.

A caminhada, na região de Feira de Santana, foi marcada de última hora para resgatar parte do eleitorado petista, que o partido vinha perdendo para seu principal concorrente nesta eleição, Jair Bolsonaro (PSL). "O Brasil nasceu aqui e vai renascer aqui", reforçou Haddad.

Sobre o tema segurança, Haddad declarou: "A Polícia Federal vai passar a atuar na segurança pública de todo o País. Vai coordenar todas as demais polícias."

Nesta semana, o substituto do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tinha cerca de 43% das preferências no Nordeste. Trata-se de um porcentual bem menor do que o PT obteve em disputas anteriores, quando superou a faixa dos 60%.

Em contrapartida, Bolsonaro chegou a 24%, segundo pesquisa Ibope divulgada na quarta-feira, 3, e dava sinais de que está em ascensão. O discurso de liberação do porte de armas feito pelo ex-capitão foi um dos fatores aprovados pelos eleitores da região para combater a violência.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade