Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Boulos: PSDB e FHC são corresponsáveis por crescimento de Bolsonaro

'Nós precisamos evitar o fascismo, evitar o ódio e evitar a política de intolerância', disse Guilherme Boulos


postado em 20/09/2018 21:57 / atualizado em 20/09/2018 22:14

Boulos também disse que espera pela recuperação da saúde de Bolsonaro(foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A press)
Boulos também disse que espera pela recuperação da saúde de Bolsonaro (foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A press)
O candidato do PSOL à Presidência, Guilherme Boulos, criticou o pedido de união das candidaturas de centro, feito pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), em carta divulgada mais cedo.

"Nós precisamos evitar o fascismo, evitar o ódio e evitar a política de intolerância. Tem gente que é corresponsável por isso. Tem gente que ajudou a fazer com que um cidadão como Bolsonaro e a sua candidatura de ódio crescesse. O PSDB e o FHC são corresponsáveis por isso", afirmou, na chegada do debate de emissoras católicas e da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Boulos também disse que espera pela recuperação da saúde de Bolsonaro. "A gente lamentou e se colocou solidariamente ao Bolsonaro e esperamos que ele tenha recuperação rápida", disse.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade