Publicidade

Estado de Minas

Tucano tem boa relação com MG, afirma Anastasia

Ao lado de Geraldo Alckmin, candidato do PSDB à Presidência, o senador fez campanha no interior do estado


postado em 19/05/2018 07:54 / atualizado em 19/05/2018 08:57

(foto: Beto Novaes/EM/D.A Press)
(foto: Beto Novaes/EM/D.A Press)

Pré-candidato ao governo de Minas Gerais pelo PSDB, o senador Antônio Anastasia disse que pretende fazer “muitas caminhadas pelo Estado” com o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin, pré-candidato tucano à Presidência da República.

“O governador Alckmin tem com Minas uma relação muito próxima, não só pela ascendência familiar, pois seu avô é mineiro, mas porque tem uma identidade com o Estado”, disse ele, na cidade mineira de Poços de Caldas.

Anastasia e Alckmin, presidente nacional do PSDB, se encontraram nessa sexta-feira à noite em um hotel para discutir estratégias de campanha no Estado.

Ao chegar para a reunião, o ex-governador de São Paulo foi alvo de protestos de manifestantes que disseram ser “da sociedade livre” e seguravam cartazes com os dizeres “cadê o dinheiro da merenda” e “governador que agride professor” e gritavam palavras de ordem, como “golpista”.

Alckmin não falou com a reportagem. Anastasia disse que o PSDB “sabe a importância” de um bom resultado eleitoral em Minas após o desempenho do partido na última eleição. Em 2014, os candidatos do PSDB à Presidência, Aécio Neves, e ao governo do Estado, Pimenta da Veiga, foram derrotados em Minas, ambos por concorrentes petistas.

Aécio


Anastasia disse que o senador tucano Aécio Neves não será candidato à reeleição em outubro. “O Aécio não será. Ainda estamos discutindo os nomes, mas não vai ser ele”, disse.

Perguntado sobre os motivos da desistência de Aécio de tentar um novo mandato no Senado, ele respondeu apenas que “não vai ser”, sem dar mais detalhes. Sobre a possibilidade de o senador tucano concorrer à Câmara dos Deputados, Anastasia disse que essa possibilidade “está sendo considerada”.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade