Publicidade

Estado de Minas

Lula não negociou com a PF nem vai se entregar, diz presidente do PT

A senadora Gleisi Hoffman usou a rede social para dizer que o petista permanece no Sindicato dos Metalúrgicos e está protegido pelo povo


postado em 06/04/2018 20:51

A presidente do PT afirmou que Lula vai permanecer no sindicato protegido pelo povo(foto: Reprodução Twitter )
A presidente do PT afirmou que Lula vai permanecer no sindicato protegido pelo povo (foto: Reprodução Twitter )

A presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann, negou na noite desta sexta-feira (6) que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) vá se entregar à Polícia Federal. “A grande mídia que é contra Lula e diz que ele “negociou” e que “vai se entregar”, está equivocada. Lula continua no Sindicato do ABC, firme na resistência”, disse.

A petista divulgou vídeo em que convoca os militantes a participar de uma missa em homenagem à ex-primeira-dama Marisa Letícia, esposa de Lula, falecida em decorrência de um AVC. Ela faria aniversário neste sábado (7), quando o partido organizou uma cerimônia religiosa em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

No vídeo, Gleisi disse que há muitas notícias incorretas veiculadas pelos grandes jornais “que não gostam do presidente”. “O presidente está aqui com a gente protegido pelo povo, tem uma multidão no sindicato dos metalúrgicos, e amanhã de manhã o presidente participará da missa em homenagem à dona Marisa”, disse.

Ela afirmou que o ex-presidente deve se pronunciar na ocasião. “Lula estará na missa, falará com as pessoas, falará sobre dona Marisa, falará sobre sua vida”, convidou. Centenas de pessoas fazem vigília desde a noite de quinta-feira (5) em frente ao sindicato.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade