Publicidade

Estado de Minas

MDB de Minas discute nesta quinta-feira expulsão de deputado estadual

Sávio Souza Cruz é acusado de ter particado "'atos nocivos, provocativos e desrespeitosos' contra o presidente Michel Temer e outros dirigentes da legenda


postado em 01/02/2018 13:28 / atualizado em 01/02/2018 13:39

Sávio Souza Cruz já foi convidado para se filiar a outras legendas(foto: Euler Jr./EM/D.A Press)
Sávio Souza Cruz já foi convidado para se filiar a outras legendas (foto: Euler Jr./EM/D.A Press)

A Executiva do MDB mineiro se reúne na tarde desta quinta-feira para decidir o futuro do deputado estadual Sávio Souza Cruz, que poderá ser expulso do partido sob a acusação de “ataques levianos” ao presidente Michel Temer (MDB) e postagens no Twitter e entrevistas defendendo a aliança da legenda com o PT na disputa das eleições de outubro.

A expulsão de Sávio Souza Cruz – que retornou nesta quinta-feira à Assembleia Legislativa para dedicar-se à campanha a deputado – foi solicitada por integrantes dos MDB Mulher e Afro com o aval do presidente estadual da legenda, Antônio Andrade.

Nesta quinta-feira, Sávio considerou “melancólico” o fato de um partido que participou do processo democrático adotar uma “censura interna” e tratar a manifestação de opinião como um crime. Ele contou já ter recebido o apoio de outros partidos para se filiar.

Segundo o pedido de expulsão, assinado por três integrantes do MDB, o secretário Sávio teria praticado reiterados atos “nocivos, provocativos e desrespeitosos”, usando sua condição de secretário para “promover constante e inequívoca afronta ao MDB, principalmente a nível nacional, contra a pessoa do presidente da república Michel Temer e outros dirigentes do partido”.

A acusação é de que ele teria demonstrado desejo de desgastar a imagem do partido e teria 'reiterado desrespeito às decisões partidárias”. Segundo o pedido, ele “não merece outra reprimenda senão a expulsão do MDB por atos que revelam inegável atendado a imagem e dignidade do partido”.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade