UAI
Publicidade

Estado de Minas

Kalil reúne deputados e Pimentel para pedir dinheiro de emendas para BH

O prefeito apresentou uma cartela de mais de 100 páginas com projetos da administração municipal e garantiu: 'não perderemos mais emendas de deputados federais'


postado em 02/10/2017 12:39 / atualizado em 02/10/2017 12:50

Pimentel disse que vai colaborar com o que puder para ajudar a gestão de Kalil(foto: Manoel Marques / Imprensa MG)
Pimentel disse que vai colaborar com o que puder para ajudar a gestão de Kalil (foto: Manoel Marques / Imprensa MG)

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PHS), abriu nesta segunda-feira (2) um canal de diálogo com a bancada federal mineira e o governador Fernando Pimentel (PT), com vistas a garantir mais recursos para Belo Horizonte. No café no prédio da Prefeitura, Kalil apresentou uma cartela de opções com programas da PBH para os parlamentares destinarem emendas para a cidade no orçamento do governo federal.

De acordo com o coordenador da bancada mineira, deputado federal Fábio Ramalho (PMDB), o prefeito convidou o grupo para um café e entregou um portfólio com mais de 100 páginas contendo informações sobre projetos da prefeitura em áreas como saúde, educação e infraestrutura. Participaram 16 deputados de diferentes partidos. “Ele mostrou o que os deputados poderiam fazer por BH. Foi uma conversa aberta com a bancada mais para abrir um diálogo que estava parado”, disse Ramalho.

Segundo o coordenador da bancada, Kalil disse que muitas emendas que vinham para BH acabavam perdidas e, por isso, apresentou o portifólio. “Para dar segurança que os recusos aportados para BH vão de fato chegar ao seu destino.” Segundo Ramalho, a disposição maior da bancada é de investir em saúde.

'Não perderemos mais emendas'


Kalil ressaltou ter construído uma prefeitura apartidária e destacou a importância das emendas para ajudar na administração. “Nós, hoje, estamos aqui para dizer em alto e bom som que não perderemos mais as emendas de deputados federais. Isso é o que acontecia nos últimos oito anos. Todas as emendas são bem-vindas, de todos os partidos, pois estamos diante da maior crise do país”, afimou.

Pimentel ressaltou a importância de participar da reunião e disse ser “mais que oportuno” valorizar o trabalho dos deputados. ‘É saudável fazer esse tipo de diálogo, que já acontecia no meu governo e em governos anteriores, mas que foi interrompido. Agora, o Kalil está retomando. Estamos vivendo uma crise institucional como o Brasil nunca teve. Todos nós estamos comprometidos com o povo que nos elegeu. Nossa democracia está em jogo. Que a gente saiba superar esse momento. O que o Kalil pedir eu apoiarei e vamos colaborar”, disse.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade