Publicidade

Estado de Minas

Baptista Almeida::Um socialista no Vaticano

Francisco mostrou uma outra face da Igreja, menos conservadora, mais acolhedora e preocupada com as pessoas do que com os protocolos


postado em 26/12/2014 12:01 / atualizado em 26/12/2014 07:26

Baptista Chagas de Almeida*

O papa Francisco não gosta de ser chamado de comunista, marxista ou o que for. Para ele, defender os pobres é uma das bandeiras dos cristãos e está no evangelho. No entanto, suas críticas ao sistema capitalista, ao consumismo e ao culto ao dinheiro, feita em missas, entrevistas e até mesmo em documentos oficiais do Vaticano já pregaram nele esse rótulo. Ainda mais depois do anúncio do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, um país majoritariamente protestante e que nunca deu muita pelota para o Vaticano, de que o papa foi um dos responsáveis pela intermediação do acordo histórico de reaproximação com Cuba.

Independentemente de como queiram tachá-lo e das concepções religiosas, ou não, de cada um, o papa argentino é uma das melhores surpresas do ano que se encerra. Em 19 meses de pontificado, assumido de surpresa, depois da surpreendente renúncia de Bento XVI, Francisco mostrou uma outra face da Igreja, menos conservadora, mais acolhedora e preocupada com as pessoas do que com os protocolos, pompas e regras que a cercam.

Um papa que acredita na Teoria da Evolução e no Big Bang, que rejeita a história de Adão e Eva e da existência de fogo no inferno e que critica as interpretações da Bíblia que apontam Deus como um mago, dotado de uma varinha mágica. Que está elaborando uma encíclica (documento dirigido aos bispos de todo o mundo) que vai tratar, entre outros assuntos, da família moderna, que não é necessariamente formada por um casal heterossexual com filhos. E que repudia discriminação contra gays, comum em muitas igrejas e religões. Um papa que prega ternura frente às dificuldades do mundo. Um político, no melhor sentido da palavra, um revolucionário, um socialista cristão.

Mudanças na PBH
Em visita ao almoço no Restaurante Popular, o prefeito Marcio Lacerda (PSB) reforçou que, no mês que vem, dará início à reforma do secretariado. Uma das intenções é melhorar o relacionamento com os futuros secretários de Estado do governador eleito Fernando Pimentel (PT). “Vamos iniciar pequenas mudanças no início de janeiro. Isso vai se estender ao fim de fevereiro. É um ajuste administrativo, um ajuste político, um atendimento à melhoria de performance em algumas áreas”, afirmou. O prefeito espera o anúncio dos nomes indicados por Pimentel. “É preciso aguardar a nomeação do secretariado de Estado e, naturalmente, fazer algum remanejamento na prefeitura para que o diálogo seja o melhor possível.”

Guerra fiscal
O Supremo Tribunal Federal (STF) concedeu liminar ao governo de São Paulo para suspender lei mineira aprovada em 2013 que autorizava o Poder Executivo a conceder crédito presumido de ICMS, por decreto e sem celebração de convênio interestadual. Em sua decisão, o relator Roberto Barroso argumentou que o sistema constitucional brasileiro exige que a instituição de benefícios fiscais e tributários seja feita por meio de acordo prévio entre todos os estados.

Dez ações
A lei mineira questionada pelo governo de São Paulo concedia benefício fiscal e incentivos para projetos esportivos e produção de energia elétrica a partir de fontes renováveis, além de alterar dispositivos do ICMS para beneficiar a indústria de laticínios, de fertilizantes e insumos agrícolas e abatedouros. Essa é uma das 10 ações diretas de inconstitucionalidade (Adins), com pedidos de liminar, protocoladas em julho pelo governo paulista contra normas fiscais e tributárias de Minas, Tocantins, Maranhão, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Pernambuco e Distrito Federal.

Sinergia
O vereador de Belo Horizonte Gilson Reis (PCdoB) (foto) pode assumir a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do governo de Fernando Pimentel. Até então, o nome do vereador não tinha sido cogitado para nenhum cargo e a expectativa era que o partido indicasse alguém para a Secretaria de Esporte e Turismo. No entanto, com a decisão da presidente Dilma de indicar para o Ministério do Esporte um integrante do PRB, deputado federal George Hilton, e transferir Aldo Rabelo (PCdoB) para o Ministério da Ciência e Tecnologia, o PCdoB deverá ficar com a mesma pasta em Minas. O PRB também. “Recebi o convite, mas ainda não há uma definição, mas tudo indica que serei eu mesmo. Da minha parte não há empecilho”, garante Gilson, que se reúne hoje com representantes do partido e do futuro governo para tratar do assunto. A intenção do próximo governo é criar, segundo ele, sinergia entre os ministérios e as secretarias para facilitar a atuação.

Rainha do desmatamentoA agência de notícias L’actualité, da França, publicou matéria em que a nova ministra da Agricultura do governo brasileiro, a ruralista Kátia Abreu (PMDB), é tratada como a “rainha do desmatamento”. O texto diz que a escolha da presidente Dilma foi a contragosto de ambientalistas e dos integrantes dos movimentos de trabalhadores rurais sem-terra. Afirma ainda que Kátia defende a expansão do agronegócio, em detrimento à agricultura familiar, e que o “título” de rainha do desmatamento foi dado por índios da Amazônia. Kátia Abreu é senadora por Tocantins.

Pingafogo

Papai Noel foi generoso com o bispo Edir Macedo, da Igreja Universal. Ela ganhou de presente o Ministério do Esporte do governo Dilma Rousseff (PT) e a Secretaria do Esporte da gestão de Geraldo Alckmin (PSDB) em São Paulo.

Já parte dos paulistanos ganhou de presente da Sabesp uma noite de Natal sem água nas torneiras.

No Rio Grande do Sul, os magistrados não terão auxílio-moradia, que vem sendo criado em vários estados do Brasil. Nessa semana, a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul aprovou projeto de lei que estipula o subsídio dos magistrados e veda o pagamento do auxílio. Se a moda pega…

 Em meio a uma grave crise econômica, o presidente russo Vladimir Putin (foto) determinou o congelamento do preço da carne? Não. Da vodca.

*Alessandra Melo- interina


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade