Publicidade

Estado de Minas

Mais de 2 milhões voltam às urnas no Mato Grosso


postado em 26/10/2014 10:01 / atualizado em 26/10/2014 10:15

Neste segundo turno das eleições, os 2.189,703 eleitores mato-grossenses voltam às urnas para escolher apenas o presidente do Brasil. O estado não terá segundo turno para governador. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT), cada eleitor deve gastar poucos segundos para votar já que ele terá de escolher apenas entre Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB).

O esquema de segurança será o mesmo utilizado no primeiro turno e contará com toda a tecnologia e aparato de segurança pública utilizado na Copa do Mundo. Para garantir a segurança durante todo o dia, atuarão 3.500 policiais militares, sendo 1.564 policiais militares, 990 policiais civis, 122 policiais federais; 200 bombeiros militares; 70 agentes de trânsito de Cuiabá; oito policiais rodoviários federais e 18 guardas municipais de Várzea Grande.

Cerca de 500 militares do Exército Brasileiro vão operar com foco nos locais de votação indígena. Serão, no mínimo, nove militares distribuídos em 21 sessões localizadas em áreas indígenas. Mato Grosso tem mais de 2 milhões de eleitores em 1.481 locais de votação. A segurança dos eleitores também será feita por meio de aviões e barcos. Para garantir a logística, serão utilizados 1.928 veículos, entre carros, caminhões e motos, conforme o TRE-MT.


Publicidade