Publicidade

Estado de Minas

Patrus afirma que deu início a avanços

Petista começa por Venda Nova sua campanha à prefeitura da capital e afirma que terá um diálogo constante com a população


postado em 15/07/2012 15:23 / atualizado em 15/07/2012 15:31

Acompanhado do vice, Aloísio Vasconcelos, e do ministro Fernando Pimentel, Patrus conversou com os eleitores em Venda Nova(foto: Beto Magalhães/Em/D.A Press)
Acompanhado do vice, Aloísio Vasconcelos, e do ministro Fernando Pimentel, Patrus conversou com os eleitores em Venda Nova (foto: Beto Magalhães/Em/D.A Press)
O candidato à Prefeitura de Belo Horizonte Patrus Ananias (PT) aproveitou o primeiro dia de campanha na rua para reivindicar a paternidade pelo desenvolvimento da capital mineira nas últimas décadas. Sob sol forte, ao lado de um carro de som e cercado por militantes, o ex-prefeito petista disparou: “Sejamos claros, sem nenhuma arrogância, mas com espírito de verdade: os avanços que a cidade hoje conhece começaram conosco. E o atual prefeito manteve as grandes iniciativas que nós tomamos”. Patrus, que governou a cidade de 1993 a 1996, afirmou que no momento existem novos desafios para a capital, como as questões da mobilidade urbana e da saúde, e completou: “Na minha administração começaram o Orçamento Participativo, os avanços na educação, na saúde, a descentralização. Agora, é hora de nós iniciarmos, como há 20 anos, um outro capítulo nas conquistas sociais do povo de Belo Horizonte”.


Enquanto caminhava pela Rua Padre Pedro Pinto, em Venda Nova, seguido por cerca de 200 militantes, o candidato se disse confiante e afirmou que pretende, se ganhar, fazer um governo que está mais próximo das pessoas e que vai humanizar a administração da cidade. “Queremos estar em diálogo constante com a população”, frisou ele.

Acompanhado de perto no corpo a corpo pelo seu candidato a vice, Aloísio Vasconcelos (PMDB), pelo ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, e pelo senador Clésio Andrade (PMDB), Patrus visitou lojas e conversou com comerciantes e pedestres que transitavam por ali. Aloísio se disse entusiasmado e ressaltou que a recepção à campanha foi boa. “Toda hora tenho que buscar mais panfletos, porque as pessoas pegam todos”, afirmou. Pimentel disse que sempre que puder vai participar da campanha: “Em todos os horários livres disponíveis que não conflitem com minha atividade no ministério estarei aqui”.

Enquanto a nova música do candidato repetia “chega mais, Patrus”, ele entrou em várias lojas e conversou com pessoas na rua, alertando que não faria milagres, mas que se comprometia a se esforçar e a voltar para visitá-los.

Para completar o primeiro fim de semana de campanha nas ruas, Patrus volta a caminhar com militantes e apoiadores hoje no Bairro Alto Vera Cruz, Região Leste de Belo Horizonte. Na segunda-feira, ele terá um encontro com o vice-presidente da República, Michel Temer, que virá à capital mineira para um encontro com lideranças locais do PMDB.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade