UAI
Publicidade

Estado de Minas IMUNIZAÇÃO

Mãe flagra enfermeira injetando seringa sem vacina em criança

Depois que o vídeo chegou aos superiores da profissional de saúde, garoto recebeu a dose de forma correta. Prefeitura disse ter tomado medidas administrativas


25/01/2022 22:01 - atualizado 25/01/2022 22:01

Vacinação
Mãe fez vídeo e percebeu que dose não foi injetada em seu filho (foto: Reprodução)
A mãe de uma criança de 11 anos flagrou uma enfermeira injetando uma seringa no braço do garoto sem a vacina contra o coronavírus. O caso ocorreu em um posto de saúde em Taubaté (SP), onde ocorre a imunização para o público infantil de 5 a 11 anos. Ela gravou um vídeo e postou nas redes sociais.
 

Depois que o vídeo chegou aos colegas da enfermeira, ele recebeu a dose de forma correta.

A mãe desabafou nas redes: “Se não fosse esse vídeo, ninguém iria acreditar em mim. Foi minha filha de 9 anos que me pediu para gravar um vídeo. Ainda bem que gravei, na hora de aplicar eu vi o que aconteceu”, disse. 

Em nota, a prefeitura da cidade ressalta que tomou providências administrativas no caso. O município não informou se a funcionária será afastada do cargo ou exonerada.

"A Prefeitura de Taubaté esclarece que, antes de iniciar a campanha para esta faixa etária, toda equipe de enfermagem das 7 unidades envolvidas na vacinação das crianças recebeu orientação, de maneira pessoal e por escrito, sobre os procedimentos técnicos para aplicação da vacina", disse o comunicado.
 
Falsas aplicações 
 
Nos primeiros meses da vacinação contra a COVID-19 em adultos, inúmeros casos de “falsas aplicações” foram relatados Brasil afora. Nas imagens registradas por parentes e amigos, principalmente os idosos eram vítimas de picadas em que o líquido imunizante não era injetado, o que resulta evidentemente numa não proteção de quem recebe a agulhada. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade