UAI
Publicidade

Estado de Minas RIO DE JANEIRO

Cancelado réveillon na praia de Copacabana

Ao anunciar o cancelamento da festa, prefeito Eduardo Paes (PL) diz que, como há opiniões divergentes sobre o ômicron, ele prefere ficar com a mais restritiva


04/12/2021 08:20 - atualizado 04/12/2021 08:36

Fogos de artifício no reveillon em Copacabana, Rio de Janeiro, com vista de cima, exibindo o Cristo Redentor
Reveillon em Copacabana, Rio de Janeiro, foi cancelado pela prefeitura (foto: FERNANDO MAIA/RIOTUR)


O prefeito do Rio de Janeiro (RJ), Eduardo Paes (PSD), anunciou, em redes sociais, o cancelamento do réveillon na praia de Copacabana. Segundo o chefe do Executivo Municipal, ele prefere seguir as sugestões mais restritivas, já que há um conflito de opiniões entre os comitês da prefeitura e do governo estadual.

Leia: Réveillon e carnaval estão cancelados em mais 12 cidades do Sul de Minas 

“Respeitamos a ciência. Como são opiniões divergentes entre comitês científicos, vamos sempre ficar com a mais restritiva. O Comitê da prefeitura diz que pode. O do Estado diz que não. Então não pode. Vamos cancelar dessa forma a celebração oficial do réveillon do Rio”, escreveu na manhã deste sábado (4/12).

Paes lamentou a decisão e ainda alfinetou o governador Cláudio Castro (PL). “Tomo a decisão com tristeza mas não temos como organizar a celebração sem a garantia de todas as autoridades sanitárias”, justificou. “Se é esse o comando do Estado (não era isso o que vinha me dizendo o governador), vamos acatar”.

Outras capitais

Outras capitais também já cancelaram suas festas. A cidade de São Paulo decidiu cancelar na quinta-feira (2/12) as comemorações de Ano Novo para evitar a propagação da nova variante ômicron do coronavírus, uma medida tomada depois da confirmação de três casos.



O prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM), também já havia anunciado na semana passada que não haverá festa de réveillon neste ano na capital da Bahia. O cancelamento se deve, segundo o chefe do Executivo, ao recente aumento no número de casos de Covid-19 na Europa e também à variante Ômicron, descoberta recentemente na África do Sul.

Ao menos seis capitais cancelaram a festa de réveillon: Belo Horizonte, Florianópolis, Fortaleza, São Luís, João Pessoa e Palmas. Todas pelo mesmo motivo: a pandemia que ainda não acabou.
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade