UAI
Publicidade

Estado de Minas PRECAUÇÃO

Universitária, Suzane Richthofen fica isolada para evitar COVID em presídio

Condenada a 39 anos de prisão pela morte dos pais, Suzane cursa biomedicina


08/10/2021 09:13 - atualizado 09/10/2021 21:33

Condenada a 39 anos de prisão por matar os pais em 2002, Suzane Von Richthofen deixou a Penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier, em Tremembé, no interior de São Paulo para saidinha de fim de ano
Condenada a 39 anos de prisão por matar os pais em 2002, Suzane Von Richthofen deixou a Penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier, em Tremembé, no interior de São Paulo para saidinha de fim de ano (foto: Reprodução/TV Vanguarda)
Suzane Von Richthofen está se isolando em uma cela na penitenciária de Tremembé, interior do estado de São Paulo, para evitar que outras detentas corram o risco de serem contaminadas pela covid-19. Suzane frequenta aulas fora da unidade prisional, e a diretoria tenta impedir que em caso de contaminação, outras mulheres acabem sendo infectadas pelo vírus.

Segundo informações do portal g1, a medida deve durar até o fim da pandemia. Suzane começou a estudar biomedicina no mês de setembro. Apenas outra presa da unidade também estudar no ensino superior, porém, de forma remota, logo, não existe a necessidade de isolamento dela, como no caso de Suzane.

Vale lembrar que, além do isolamento, as condições para que Suzane possa estudar também indicam a necessidade de apresentação de boletins de presença e de notas. Suzane havia pedido para tirar a tornozeleira eletrônica durante as aulas, mas a Justiça negou.

Histórico


Suzane passou para o regime semiaberto em outubro de 2015 (onde poderia, dependendo de autorização da Justiça, deixar a unidade prisional para trabalhar ou estudar). Ela conseguiu a vaga no curso depois de realizara o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A priori, Suzane havia escolhido cursar farmácia, mas o curso não teve um turma fechada na cidade de Tremembé, logo, ela mudou para biomedicina.

Em 2020, Suzane havia tentado estudar Gestão de Turismo, mas não obteve autorização da Justiça para deixar o presídio para as aulas.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade