UAI
Publicidade

Estado de Minas CASO LÁZARO

Advogado, ex-patrão de Lázaro atende família do suspeito de graça

Wesley Lacerda ajudou até mesmo na liberação do corpo alegando "humanidade", uma vez que a família é carente


01/07/2021 14:57 - atualizado 01/07/2021 15:03

Lázaro foi morto na segunda-feira (29/6), depois de 20 dias de buscas(foto: Ed Alves/CB/DA Press)
Lázaro foi morto na segunda-feira (29/6), depois de 20 dias de buscas (foto: Ed Alves/CB/DA Press)

O advogado Wesley Lacerda confirmou ao Correio que está atendendo a família de Lázaro Barbosa de forma pro bono, ou seja, sem cobrar nada. De acordo com ele, a decisão foi tomada por "caridade" e "humanidade", já que a família é carente e de baixa instrução.

Lacerda explicou que seu trabalho ficou restrito a buscar informações junto ao Instituto Médico Legal (IML) sobre a liberação do corpo e passar informações corretas aos familiares. "O apoio a família nesse último momento é por uma questão de caridade e humanidade, pois os familiares são muito carentes e de baixa instrução", explicou. 
O advogado também deixa claro que ele não é advogado do Lázaro. "Eu quero servir de intermédio entre a família e o poder público. O que eu quero é trazer a paz para a nossa sociedade", afirmou, depois de sofrer ataques de que ele estaria querendo aparecer.

"Já tive ataque que eu quero aparecer, que eu sou defensor de estuprador... Logo no início de carreira, eu trabalhei atendendo vítimas de crimes violentos. Posteriormente, vim para advocacia privada. Eu tenho a minha clientela, tenho 15 anos de advocacia", explicou em vídeo postado em sua conta no Instagram. 

Wesley Lacerda já foi patrão de Lázaro e da mãe dele, quando os dois trabalharam em uma fazenda de produção de gado em Cocalzinho. Durante a busca por Lázaro, Lacerda chegou a tentar contato com o criminoso para negociar uma rendição, mas não teve sucesso.

Lázaro foi morto na segunda-feira (29/6), depois de 20 dias de buscas. Ele é suspeito de ter assassinato os quatro membros da família Vidal no Incra 9, na Ceilândia. Lázaro será sepultado em uma cerimônia restrita a família em Cocalzinho. Segundo Wesley Lacerda, o horário do velório não foi divulgado por questão de segurança e privacidade dos familiares.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade