Publicidade

Estado de Minas CRIME

Mulher de 35 anos é morta pelo ex-companheiro com facada no pescoço

Leidenaura Moreira morreu no hospital, no Distrito Federal, onde deu entrada após levar uma com facada no pescoço. Autor do crime foi preso em flagrante


07/06/2021 07:34

Leidenaura Moreira deixa seis filhos, cinco dos quais eram órfãos de pai(foto: Redes sociais/Reprodução)
Leidenaura Moreira deixa seis filhos, cinco dos quais eram órfãos de pai (foto: Redes sociais/Reprodução)
Uma mulher de 35 anos morreu vítima de feminicídio, em Planaltina, no Distrito Federal, na noite deste domingo (6/6). Leidenaura Moreira Rosa da Silva foi assassinada com uma facada no pescoço, no bairro Estância Mestre D'Armas. O autor do crime, Junio Valdemir, 31, ex-companheiro dela, foi preso em flagrante e levado para a delegacia.

A Justiça havia concedido medidas restritivas em favor da vítima, devido a agressões anteriores por parte do acusado. Os dois haviam se separado, mas Junio costumava frequentar a casa da ex-companheira. Socorrida ao Hospital Regional de Planaltina (HRPl) depois do ataque, que aconteceu por volta das 14h, Leidenaura não resistiu aos ferimentos e teve uma parada cardíaca pouco depois das 20h.

Inicialmente, o caso foi registrado na 16ª DP como tentativa de feminicídio. No entanto, com a morte da vítima, a polícia deve alterar o registro da ocorrência para tipificar o assassinato em razão de gênero. Leidenaura deixa seis filhos. Cinco deles eram órfãos de pai — morto há oito anos em um acidente de carro no Lago Sul.

Colaborou Renato Souza


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade