Publicidade

Estado de Minas

Bailarina é encontrada morta com sinais de violência sexual perto de cachoeira

De acordo com o IML, a bailarina foi morta por asfixia. O autor do crime ainda não foi identificado


postado em 27/01/2020 17:01 / atualizado em 27/01/2020 19:17

(foto: Reprodução/Instagram)
(foto: Reprodução/Instagram)
Uma bailarina foi encontrada morta na noite de domingo na área rural do município de Mandaguari, norte do Paraná. Segundo a Defesa Civil, o corpo estava com sinais de violência sexual. Maria Glória Poltronieri Borges tinha 25 anos. Além de bailarina, ela era estudante universitária.

De acordo com o Instituto-Médico Legal (IML), a bailarina foi morta por asfixia. O autor do crime ainda não foi identificado, mas a equipe de investigação disse que vai ouvir familiares e pessoas que participaram de um treinamento da Defesa Civil no local.

A mãe da vítima a levou para uma chácara nas proximidades da cachoeira. A jovem ficou sozinha no local. Com o passar dos dias, a mãe resolveu ir até a chácara com outra filha para procurar Maria.

Foi a irmã de Maria Glória que encontrou o corpo da bailarina, em uma trilha próxima à cachoeira, cerca de 30 metros de distância. 

O velório ocorreu nesta segunda-feira. A família e amigos da jovem querem justiça. 


Publicidade