Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Publicidade

Estado de Minas #PRAENTENDER

Vídeo: a origem do óleo nas praias do Nordeste e o impacto na vida marinha

O maior acidente ambiental em extensão no país. São 2.100km afetados entre o Maranhão e a Bahia


postado em 01/11/2019 16:04 / atualizado em 01/11/2019 19:38


Dois meses após a aparição do óleo que mudou a paisagem nas praias do Nordeste, colocou a vida marinha sob risco e ameaçou o turismo, a Polícia Federal afirma que o principal suspeito de ter provocado o vazamento é um navio grego.

A investigação concluiu que a embarcação ancorou na Venezuela em 15 de julho e o derramamento teria ocorrido no entre 28 e 29 de julho, a 700 quilômetros da costa brasileira.

Fizemos esse vídeo pra entender o que se sabe até agora sobre o vazamento de óleo que mudou a paisagem nas praias do Nordeste.

Polícia Federal afirmou que um navio grego é o principal suspeito de ter provocado o vazamento de óleo no mar.(foto: Reprodução)
Polícia Federal afirmou que um navio grego é o principal suspeito de ter provocado o vazamento de óleo no mar. (foto: Reprodução)
 


De lá pra cá, milhares de toneladas de borra de petróleo foram recolhidas no litoral nordestino. O governo de Pernambuco disse que apenas no estado mais de 1.300 toneladas de óleo foram retiradas das praias. 

Segundo balanço do Ibama, mais de 250 locais já foram afetados pelo óleo, em 92 municípios, nos nove estados do Nordeste. 
 


Publicidade