Publicidade

Estado de Minas

Menos de 24 horas depois do lançamento no Brasil, Pokémon Go já causa acidentes

Um estudante de 14 anos teve o celular roubado enquanto tentava capturar um pokémon no centro da cidade de Vila Velha, no ES; já no Paraná, um jovem foi atropelado e outros dois caíram num rio e lago em Curitiba, também quando tentavam pegar as criaturas


postado em 04/08/2016 10:27 / atualizado em 04/08/2016 10:44

(foto: Flickr/Reprodução)
(foto: Flickr/Reprodução)

No mesmo dia do lançamento do game Pokémon Go no Brasil, um jovem no Espírito Santo se tornou a primeira "vítima" do jogo. O estudante de 14 anos teve o celular roubado enquanto tentava capturar um pokémon no centro da cidade de Vila Velha. O assalto aconteceu na noite desta quarta-feira.

Segundo o pai da vítima, ele havia baixado o jogo no celular no início da noite. Após capturar um pokémon na sua casa, o menino saiu com um amigo pelas ruas do seu bairro buscando pegar mais monstrinhos. Por volta das 20h30, o estudante foi abordado por um criminoso armado e teve que entregar seu iPhone. O seu amigo conseguiu fugir. A família da vítima deve registrar um Boletim de Ocorrência nesta quinta-feira.

No Paraná, um jovem foi atropelado e outros dois caíram em rio e lago em Curitiba quando tentavam pegar Pokemons. Ao ficar extasiada com a caça, uma adolescente se arriscou perto do barranco de um rio quando escorregou e foi parar dentro do canal.

Em outra situação, um jogador de Curitiba caiu no lago de um parque enquanto tentava capturar mais um Pokémon para a coleção. Transeuntes que estavam próximos ao local onde o fato aconteceu socorreram rapidamente o jogador e conseguiram resgatá-lo da água. Os três jogadores paranaenses passam bem.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade