UAI
Publicidade

Estado de Minas SUL DE MINAS

Mulher é esfaqueada pelo ex-marido por causa da guarda da filha adolescente

Suspeito desferiu 8 golpes de faca na mulher, que não deixa a filha morar com ele; homem já tem BO por crimes de abusos sexuais e agressões contra outra filha


04/08/2022 14:27 - atualizado 04/08/2022 14:45

Imagem aérea de Ilicínea
Em Ilicínea, homem desferiu golpes de faca contra a mulher de 31 anos, que não morreu (foto: jornaldelavras.com.br)
 
Uma mulher de 31 anos foi esfaqueada pelo ex-companheiro no fim da tarde dessa terça-feira (2/8), em Ilicínea, no Sul de Minas. O autor conseguiu fugir do local. Segundo a Polícia Militar, o motivo do crime seria a guarda da filha adolescente de ambos. A mulher não deixou, posto que o homem é acusado de abusar sexualmente de outra filha adolescente.
 
De acordo com o boletim de ocorrência, assim que a polícia chegou, encontrou a mulher ferida em um dos quartos da casa. A filha, de 16 anos, estava junto e confirmou que o pai seria o agressor. A mulher foi socorrida pela polícia e levada ao pronto-socorro municipal de Ilicínea para receber atendimento médico. Ela foi esfaqueada oito vezes, e os golpes atingiram os braços e o rosto.
 
Ainda conforme a polícia, a mulher disse que está separada do homem há muito tempo e que ele vinha ameaçando ela e a filha para que a adolescente fosse morar com ele. A mãe não permitiu porque  já existe um boletim de ocorrência contra o pai por crimes de abusos sexuais, tortura e agressões cometidos contra uma filha dele, de 17 anos.
 
A mulher está internada no hospital. O autor segue foragido e a Polícia Militar em rastreamento. A Polícia Civil está investigando o caso.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade