UAI
Publicidade

Estado de Minas TRAGÉDIA NA IBITURUNA

Piloto morre após queda de parapente em Governador Valadares; vídeo

Goiano Valdemiro Martins Rafael, de 41 anos, decolou do Pico da Ibituruna, em Valadares, mas perdeu altitude e despencou na área do pico


27/02/2022 18:24 - atualizado 27/02/2022 19:42

Resgate dos bombeiros
Militares do Corpo de Bombeiros e um oficial da PMMG, durante o resgate ao piloto acidentado (foto: Polícia Militar de Minas Gerais Divulgação)
 
O piloto de voo livre Valdemiro Martins Rafael, de 41 anos, morreu na tarde deste domingo (27/2), em Governador Valadares, na Região do Rio Doce, depois que o parapente dele perdeu altitude e caiu rodopiando, num movimento de parafuso. O choque de seu corpo com o solo, na montanha, foi a causa da morte.
 
Valdemiro era de Catalão, em Goiás. Ele estava em Governador Valadares para competir em uma etapa do Campeonato Brasileiro de Parapente, que começa nesta segunda-feira (28/2), no Pico da Ibituruna.  O piloto aproveitou o dia de sol e com a janela aberta para os voos, para treinar, voando no céu de Valadares.
 
A queda do parapente foi registrada em vídeo por pessoas que estavam na área do Pico da Ibituruna, a 1.123 metros de altitude. Nos momentos iniciais da filmagem, ninguém percebeu que se tratava de um acidente, afinal, neste fim de semana, vários pilotos têm feito manobras radicais e ousadas em uma outra competição que está movimentando a cidade, o Fly UAI.


 
O Fly UAI é uma competição inspirada na Coupe Icare (Copa Ícaro), realizada na França. Nesta competição, que tem o astral carnavalesco, os pilotos voam fantasiados e fazem manobras radicais para divertir o público. Não era o caso de Valdemiro, que sofreu um acidente enquanto fazia um voo preparatório, para outra competição.  
 
O piloto foi socorrido pelos militares do Corpo de Bombeiros com apoio de oficiais da Polícia Militar de Minas Gerais, que voam no helicóptero Pégasus, da Base Regional de Aviação do Estado (5ª BRAvE). 
 
Valdemiro foi resgatado na montanha com a máxima urgência e levado para uma área próxima, onde uma ambulância do Samu já o aguardava. Apesar do empenho dos socorristas, os profissionais do Samu constataram a morte de Valdemiro assim que receberam o corpo. As causas do acidente serão investigadas.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade