UAI
Publicidade

Estado de Minas MINAS GERAIS

Servidor de prefeitura é preso por se passar por Secretário da Fazenda

A acusação é amparada por documentos apreendidos e depoimentos de outros servidores. Homem teria ingerência em outras secretarias


28/01/2022 19:29 - atualizado 28/01/2022 19:29

Prefeitura de Porteirinha
Investigação sobre falso secretário pode chegar ao prefeito de Porteirinha (foto: PCMG)
Em trabalho conjunto, Polícia Civil e Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) cumpriram, na quinta-feira (27/1), mandados de busca e apreensão em endereços pertencentes a um funcionário da Prefeitura de Porteirinha, na Região Norte do estado. O homem é suspeito de se passar por Secretário de Fazenda do município, tendo se favorecido com vantagem salarial.

 

Segundo informações da polícia, o suspeito exercia, desde o início da atual gestão municipal, atribuições próprias da pasta, sem, contudo, ser nomeado e empossado para o cargo.

Foram recolhidos documentos que comprovam o desvio de funçção, assim como foram colhidos depoimentos de testemunhas e servidores da prefeitura, que esclareceram que o investigado é de fato quem exerce as funções de secretário de Fazenda.


Diante da evidência do crime, o Ministério Público Estadual prendeu em flagrante o suspeito e representou pelos mandados de busca e apreensão.


Na casa do investigado, uma empresa de contabilidade de propriedade dele, bem como na sede da Prefeitura de Porteirinha, onde foram apreendidos dezenas de computadores, celulares e vasta documentação.


Entre os documentos arrecadados, foram encontrados tokens de assinatura digital pertencentes a secretários do município, o que aponta a ingerência do suspeito em toda a prefeitura, atuando como substituto do prefeito.


O delegado André Brandão, de Porteirinha, diz que “a prisão em flagrante do indivíduo foi ratificada pela Polícia Civil, haja vista ele estar exercendo função sem a devida nomeação e posse para tanto, incidindo, no caso, em crime de usurpação de função qualificada, ante o recebimento de vantagem salarial”.


O falso secretário da Fazenda foi levado para o sistema prisional. As investigações prosseguem para apurar as possíveis irregularidades existentes na gestão da Prefeitura de Porteirinha.



 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade