UAI
Publicidade

Estado de Minas 'PRAIA À MINEIRA'

'Andando sobre as águas': moradores de Lagoa Santa se refrescam no domingão

Lagoa da cidade se transforma em uma espécie de piscinão após fortes chuvas deixarem píer submerso


23/01/2022 18:36 - atualizado 23/01/2022 19:09

Pier na orla da Lagoa da cidade localizada na Avenida Getúlio Vargas
Morados de Lagoa Santa andando sobre as águas (foto: Carlos Altman/EM/D.A.Press)
Quem vê a foto acima, que abre esta reportagem, pode até pensar que trata-se de um truque de mágica. Mas é bem mais simples do que isso. São moradores de Lagoa Santa, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, se refrescando de um sol que protagonizou um calor de 30ºC no fim da tarde deste domingo (24/1). Eles aproveitaram que um píer foi tomado pelas águas para criar uma praia à mineira - calma e sem ondas.


O píer está submerso desde dezembro por causa das fortes chuvas que castigaram cidades mineiras. Banhistas não pensaram duas vezes e aproveitaram a experiência de "andar sobre as águas". O píer se localiza em frente à avenida que vai para o Bairro Joá, na Avenida Getúlio Vargas, localizada na orla da lagoa. 

Agora o local se tornou point de encontro das famílias nos finais de semana. "Há 29 anos que frequento aqui. Este final de semana foi o primeiro que nadei na lagoa por causa da cheia. Água Boa demais nesse calor. Está faltando só uma infra-estrutura como bancos, banheiro, um bar", comenta Fabrício Lopes Soares Cardoso. 

Família se refrescando no Domingão ensolarado
Fabrício com os filhos Yago, 10 anos, e Ícaro, 4 anos (nadando) (foto: Carlos Altman/EM/D.A.Press)
 
Fabrício é pai de quatro filhos e três entraram na água. "Não sei se é viável, poderia ter pedalinho, barquinho pra alugar para melhorar o lazer", sugere Andreza Lopes Soares Cardoso, esposa do Fabrício.

Na década de 1960, a área era de propriedade do Iate Tênis Clube, que recebia a elite de Lagoa Santa. Nos tempos atuais, quase 62 anos depois, a área está decadente e abandonada. Segundo relatos de moradores, a prefeitura não tem interesse em ceder a área à iniciativa privada e o local segue desaproveitado. 

Lagoa da cidade de Lagoa Santa
Movimento dos moradores da cidade na lagoa neste domingo (23/1) (foto: Carlos Altman/EM/D.A.Press)
 
A lagoa é considerada pela prefeitura da cidade como imprópria para banho, mas os moradores não quiseram saber. O píer submerso virou nova atração da lagoa. Ao som de funk, é possível observar crianças brincando e adultos se refrescando enquanto vigiam os filhos. Neste domingo (23/1), foram contabilizadas muitas pessoas no local - a nota preocupante, além do possível risco de contaminação pela água imprópria, foi a ausência da máscara protetora contra a COVID-19 e outras doenças. 
 
O Estado de Minas tentou falar com a prefeitura da cidade, mas não obteve sucesso. Tão logo a administração municipal se manifeste, esta reportagem será atualizada. 

Previsão do tempo


O Instituto Nacional de Metereologia (Inmet) registrou em Lagoa Santa, hoje (23/1), a máxima de 31°C com baixa umidade relativa do ar, cerca de 47%. O dia foi de muito sol, com poucas nuvens e ventos fracos. 

O Inmet prevê para esta semana na cidade uma máxima de 31°C e mínima em torno de 20°C. O dia mais quente provavelmente será na terça-feira (25/1), quando o município pode atingir a temperatura máxima de 33°C. E o menos quente na quarta (26/1), com máxima de 28°C. Por isso é indicado passar protetor solar e se hidratar. 

*Estagiária sob supervisão do subeditor Thiago Ricci


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade