UAI
Publicidade

Estado de Minas LESTE DE MINAS

Nível do Rio Doce pode chegar a 2,10 m na madrugada desta terça-feira (4/1)

Moradores dos bairros São Tarcísio e Santa Rita, em Valadares, estão atentos às águas do Rio Doce. Em caso de enchente, as casas deles seriam inundadas


03/01/2022 18:42 - atualizado 03/01/2022 19:31

Nível elevado do rio bem próximo a residências
Os moradores do Bairro São Tarcísio já começa a ficar cercado pelas águas do (foto: Juninho Nogueira Divulgação)
A Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (Comdec) de Governador Valadares informou no boletim das 17h desta segunda-feira (3/1), que em razão das fortes chuvas que caíram em toda a Bacia do Rio Doce neste feriado de fim de ano, o Rio Doce em Governador Valadares, continua na cota de Alerta. 
 
Segundo a Comdec, a previsão é de que o nível do Rio Doce pode atingir a a cota de 2,10 metros na régua do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) na madrugada de terça-feira (4/1) e há risco de refluxo em ruas próximas ao rio, nos bairros São Tarcísio e Santa Rita (Baixa do Quiabo).
 
Os moradores destes dois bairros, os primeiros a receber as águas do rio em caso de enchente, já estão em estado de alerta.

A rotina de Maria Alves da Silva, 78 anos, moradora do Bairro São Tarcísio, é vigiar o rio, na porta da sua casa. Na tarde desta segunda-feira ela estava lá, atenta ao movimento das águas.

“Eu moro aqui desde os 12 anos de idade e sempre fico por aqui olhando o rio, ainda mais agora, no período de chuva. Quando o rio enche muito, a Prefeitura leva a gente para um abrigo”, disse.
Da varanda de casa, moradora acompanha o nível do rio subir
Maria Alves da Silva, 78 anos de idade, está atenta ao nível do Rio Doce, no Bairro São Tarcísio (foto: Juninho Nogueira Divulgação)
 
No Bairro Santa Rita, Rodolfo Thoru é outro morador que não tira os olhos do rio. Ele é colaborador da associação de moradores do bairro e sempre informa à população de sua comunidade sobre as condições do Rio Doce na margem esquerda. “Estamos todos atentos ao nível do rio”, disse.
 
A Comdec informou que está acompanhando todos os pontos de monitoramento a montante. Na medição das 17h, o nível do rio estava em 1,90 m na régua do SAAE. Caso haja previsão de enchentes, os canais de comunicação da Prefeitura, nas redes sociais e no carro de som, vão orientar a população.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade