UAI
Publicidade

Estado de Minas LUTO

Morre Yno, cão policial ferido ao tentar capturar sequestrador na Grande BH

Pastor alemão foi encontrado com uma estaca no pescoço e resgatado de helicóptero, mas teve uma infecção e morreu


18/12/2021 10:34 - atualizado 18/12/2021 12:46

Animal passou por cirurgia no Hospital Veterinário da Faculdades Arnaldo
(foto: Reprodução TV Alterosa)
O cão policial Yno, que se recuperava de um ataque sofrido durante as buscas por um sequestrador em Sarzedo, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, acabou morrendo na noite dessa sexta-feira (17).

segundo integrante da Ronda Ostensiva com Cães da Polícia Militar de Minas Gerais  (Rocca), o pastor alemão foi ferido na última quinta-feira (17) ao entrar em uma mata para capturar um suspeito pelo sequestro de uma mulher, sendo encontrado pelos militares com uma estaca no pescoço.



O animal foi levado de helicóptero para o Hospital Veterinário da Faculdade Arnaldo, onde passou por cirurgia e chegou a ter uma melhora no quadro. Porém, o cão policial acabou morrendo devido a infecções.

Yno era considerado um verdadeiro herói dentro da Rocca, com participação em diversas missões. Atuando sempre na linha de frente, o cão acaba sendo a proteção de todo o efetivo policial na perseguição de autores de crimes violentos, tendo poupado a vida de diversos militares e civis.

O animal era especializado em busca e captura e sua função era localizar e, se necessário, imobilizar o autor. Com 6 anos, o cão estava no auge de sua atuação. Além do luto junto à equipe da Rocca, já que Yno era tido como um policial militar, seus colegas destacam o trabalho envolvido para treinar um cachorro policial, tanto para o animal, quanto para seu adestrador.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade