UAI
Publicidade

Estado de Minas VIOLÊNCIA

Polícia prende grupo armado que planejava vingar morte de jovem em Manhuaçu

Matador usou veículo roubado na própria cidade para cometer o assassinato


20/11/2021 08:59 - atualizado 20/11/2021 10:02

Vista de Manhuaçu
Crime e prisões ocorreram em Manhuaçu (foto: Prefeitura de Manhuaçu/Divulgação)

O assassinato de Lucas Oliveira da Silva, de 19 anos, conhecido por “Pirulito”, ocorrida na Avenida Castelo Branco, no Bairro Santana, em Manhuaçu, levou à prisão pela Polícia Militar de seis pessoas, ligadas à vítima, que se preparavam para ''caçar'' matadores. Com o grupo, foram apreendidas duas submetralhadoras e drogas. Quatro dos suspeitos têm entre 18 e 26 anos, e dois são menores, de 15 e 17 anos, que foram apreendidos.


O crime ocorreu na noite de sexta-feira (19/11). Próximo ao corpo de Lucas foram encontrados seis estojos calibre 380. Segundo informações de testemunhas, o autor dos disparos teria fugido do local em um veículo Fiat Uno.


De posse da placa, os policiais conseguiram localizar o proprietário do veículo, que alegou que seu carro tinha sido roubado. O veículo não foi encontrado, apesar da operação montada pelos policiais.


Mas, durante o rastreamento, os militares descobriram que pessoas ligadas à vítima estariam escondidas no Bairro Santana, armadas, se preparando para vingar a morte do amigo.


Os policiais conseguiram chegar até a casa e, depois de cercá-la, prenderam os seis homens e apreenderam duas submetralhadoras calibre 380, três carregadores, 43 munições calibres 380 e 38, uma pedra de crack, uma porção de cocaína, um tablete de maconha e R$ 196 em dinheiro. A partir dessas prisões, a Polícia Civil suspeita de que o crime tenha ligação com o tráfico de drogas.


 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade