UAI
Publicidade

Estado de Minas DORMIU

Ladrão desastrado rouba o carro, bate em lixeira, dorme e é preso

Fato ocorreu no Bairro Fernão Dias, em Igarapé. Os policiais quase não acreditaram no que viram ao chegar ao local


26/10/2021 16:24 - atualizado 26/10/2021 17:46

Carro roubado, um Peugeot 207, subiu no passeio e atingiu uma lixeira
Ladrão perdeu o controle do veículo, depois de roubá-lo, bateu numa lixeira e dormiu dentro do carro (foto: PMMG/Divulgação)

 

Um roubo de veículo e uma prisão inusitada, e, por que não dizer, provocada por um ladrão desastrado. Isso aconteceu no Bairro Fernão Dias, em Igarapé, onde um homem roubou um Peugeot, bateu numa lixeira e depois de agasalhar-se com uma blusa do proprietário do carro roubado, acabou dormindo e foi descoberto, sendo preso pela PM.




O fato ocorreu de madrugada. O ladrão, que estava embriagado, passava pela Rua Rui Barbosa. Em frente ao número 164, avistou dois veículos parados e resolveu levar um deles. Primeiro, ele arrombou e tentou ligar um Uno, de cor cinza, placa  GTK-5465, fazendo ligação direta. Mas ao tentar dirigi-lo, subiu no passeio e o veículo "morreu", abandonando-o.


Abandonou o carro com a porta aberta e partiu para o segundo, o Peugeot 207, branco, placa KZP-3771. Arrombou a porta, fez ligação direta e arrancou o veículo, mas poucos metros à frente, acabou batendo na lixeira de uma casa vizinha ao do proprietário, o motorista Jucelio Barbosa, de 43 anos.


Ao invés de abandonar o veículo e fugir, como faria qualquer outro ladrão, o suspeito vestiu uma blusa que encontrou no interior do carro e dormiu.


Ao ouvir o barulho, “um estrondo”, como contou Jucelio, vindo da rua, resolveu verificar e, ao sair de casa, deparou com seu veículo, em cima do passeio, junto a uma lixeira da casa da vizinha. Aproximou-se e se surpreendeu ao ver um homem dormindo, usando sua blusa de frio. 


Imediatamente, chamou a Polícia Militar. Segundo o sargento Silva, do destacamento de Igarapé, ele chegaram ao local ainda de madrugada, e encontraram o ladrão apagado. “Tivemos de acordá-lo para efetuar a prisão.”


O suspeito foi levado para a Delegacia de Igarapé. Lá, foi colocado numa cadeira e continuou dormindo. Quando acordou, admitiu que tinha roubado o veículo. Disse ainda que tinha bebido bastante, e que estava muito cansado, e lamentou, que talvez por isso, tenha dormido.


“Bebi um bocado. Misturei cerveja e champanha. Não sei o que aconteceu. Mas agora vou ter de responder por esse crime”, disse o suspeito. Ao ser levantada a ficha criminal do suspeito, descobriu-se que ele tem uma vasta lista de crimes. O homem será encaminhado para o sistema prisional.




 

 

 

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade