UAI
Publicidade

Estado de Minas RETORNO

Após 17 dias suspensa, 2ª dose de AstraZeneca deve voltar amanhã em Uberaba

Campanha de vacinação contra a COVID-19 na cidade chegou a ficar dois dias suspensa e deverá ser retornada nesta quarta (27/10)


26/10/2021 12:59 - atualizado 26/10/2021 13:07

Profissional de saúde aplica vacina em braço de morador
A última vez que Uberaba aplicou segundas doses de AstraZeneca foi no dia 9 de outubro (foto: Creative/Commons/Divulgação)
Após dois dias paralisada, a vacinação contra a COVID-19 em Uberaba, maior município da região do Triângulo Sul, deve ser retomada nesta quarta-feira (27/10), já que a chegada de nova remessa de imunizantes das marcas AstraZeneca e Pfizer está previsto para chegar à cidade ainda nesta tarde.
 
A suspenção da aplicação da 2ª dose de AstraZeneca já soma 17 dias na cidade. Mas, segundo informações da Superintendência Regional de Saúde (SRS) Triângulo Sul, na nova remessa que chegará hoje à tarde haverá doses de AstraZeneca, além de carregamentos da Pfizer. 
 
Desta forma, a previsão é de que ainda hoje a Secretaria Municipal de Saúde anuncie o novo cronograma de vacinação contra COVID para amanhã e quinta-feira (28/10).
 
O último dia de vacinação na cidade foi na última sexta-feira (22/10), quando foram imunizados com a 3ª dose os idosos com 60 anos ou mais, os profissionais de saúde e imunossuprimidos com 18 anos ou mais; com a 1ª dose, os adolescentes com 12 anos ou mais, além da aplicação da 2ª dose das marcas CoronaVac e Pfizer.
 
A coordenadora de vacinação de Uberaba, Ana Vera Abdanur, declarou no início da semana passada que a cidade precisa de 33 mil doses para finalizar a aplicação da segunda dose de Astrazeneca.
 
“Neste momento (19/10), são dez dias de atraso da marca para cerca de 15 mil pessoas que tomaram a primeira dose”, afirmou.
 
Mortes, internações e novos casos em queda
 
Entre o dia 1º de outubro até ontem (25/10), Uberaba registrou reduções nos números de mortes, internações e novos casos da COVID-19, em relação ao mesmo período do mês passado.
 
Diferentemente deste período de setembro, quando foram registradas 38 mortes na cidade, em outubro foram contabilizadas 28 mortes. Já em agosto, entre os dias 1 e 25, 57 pessoas morreram vítimas da doença.
 
O número de mortes vem reduzindo em Uberaba desde abril, o mês mais letal da pandemia, quando foram registradas 240 óbitos na cidade.
 
No que diz respeito às internações, a cidade apresenta neste momento os menores índices desde o início da segunda onda, em janeiro deste ano. Segundo o último boletim epidemiológico, divulgado na noite de ontem, 15 pessoas estão internadas nas UTIs/COVID da cidade, sendo que no início deste mês havia 37 pessoas internadas nesta ala.
 
Já a redução das internações na ala de enfermaria/COVID do município é mais discreta, ou seja, eram 18 pessoas internadas no início deste mês e agora são 13.
 
E com relação aos novos casos da doença na cidade, outubro também apresenta queda com relação aos meses anteriores. Até o momento foram registrados 1.470 novos casos, sendo que durante todo o mês de setembro foram 2.374 casos positivos. Os novos casos da doença vêm reduzindo na cidade desde maio, o mês com mais casos no município (5.321).
 
Desde o início da pandemia, Uberaba já contabilizou 43.534 casos positivos e 1.351 mortes causadas pela COVID-19.
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade