UAI
Publicidade

Estado de Minas VIOLÊNCIA

Suspeito foge após tentar matar homem em assentamento da reforma agrária

Crime ocorreu em Tapira, na última sexta-feira (24/9); envolvidos fazem parte de um movimento de sem terras e vítima foi encaminhada em estado gravíssimo


27/09/2021 20:35 - atualizado 27/09/2021 20:51


O crime ocorreu na zona rural de Tapira, cidade da microrregião de Araxá, com cerca de 5 mil habitantes
O crime ocorreu na zona rural de Tapira, cidade da microrregião de Araxá, com cerca de 5 mil habitantes (foto: PCMG/Divulgação)
A Polícia Militar de Tapira, no Alto Paranaíba, procura um suspeito de tentar matar um homem de 38 anos, integrante de movimento de sem terras do assentamento Nova Bom Jardim, na zona rural da cidade.
 
Na última sexta-feira (24/9), segundo informações do 37º Batalhão de Polícia Militar (BPM), o suspeito acertou um tiro de espingarda na parte frontal da cabeça do homem, anos que foi encaminhado em estado gravíssimo para o Hospital Unimed de Araxá.
 
Segundo informações do delegado responsável pelo caso, Tiago Cruz Ferreira, o crime ocorreu após discussão entre suspeito e vítima. O motivo é que o suspeito não seria bem-vindo no assentamento, que tem cerca de 20 famílias.

“Eles queriam que o suspeito deixasse o assentamento quando ocorreu a discussão e, em seguida, o disparo de arma de fogo”, contou o delegado. 
 
Após o crime, o suspeito fugiu em um carro, que depois abandonou em uma estrada de terra. Após a PM consultar a placa do veículo foi constatado que o mesmo não pertencia ao suspeito.  
 
O assentamento das famílias faz parte de uma autorização dada pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade