UAI
Publicidade

Estado de Minas PREVISÃO DO TEMPO

BH amanhece com 'céu cinza' e meteorologistas explicam as causas. Veja

Nesta quinta-feira (16/9), umidade do ar permanece em queda na maior parte do estado


16/09/2021 09:39 - atualizado 16/09/2021 10:08

Vista das árvores de Ipês na capital mineira
Vista das árvores de Ipês na capital mineira (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)
O céu amanheceu com aspecto acinzentado nesta quinta-feira (16/9) em Belo Horizonte. O excesso de queimadas nas serras ao redor da capital é uma das causas principais, claro, mas os meteorologistas explicam que outros fatores também exercem influência neste fenômeno.

O meteorologista Claudemir Azevedo explica a causa do céu cinza nas primeiras horas desta quinta: “Este aspecto cinza é causado por causa da poluição desta época, que é comum, e também pela grande quantidade de queimadas nas matas que deixam vestígios de fumaça no ar. Além disso, o predomínio de ar seco e a estabilidade do tempo traz esta poluição, que se concentra mais perto da superfície da terra, e provoca esta cor cinza nas nuvens”, afirma.
  
De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a menor temperatura em BH foi registrada na estação meteorológica do Cercadinho, com 18,1°C. A maior não deve passar dos 32°C.

Apesar de o calor continuar e a previsão apontar que as temperaturas devem permanecer acima dos 30°C em praticamente todo o estado, ao menos há possibilidade de chuvas nas regiões que fazem divisa com São Paulo.
 
Ainda há possibilidade de pancadas de chuvas, à tarde, no Sul de Minas e Zona da Mata. O céu fica claro a parcialmente nublado no restante das áreas.
 
A umidade do ar permanece baixa, podendo chegar aos 30% na capital e variar entre 12% e 15% no Norte, Noroeste e Triângulo.
 
O Inmet identificou também que a temperatura mínima do estado foi em Águas Vermelhas, Norte de Minas, com 11,9°C. A máxima pode chegaraos 39°C, também no Norte e na Região do Triângulo. 
 
“Mesmo com esta alta temperatura, os termômetros não bateram o  recorde dos 40°C em Montalvânia,  no Norte do estado, como era o previsto para a quarta-feira (16/9)”, completa Claudemir. "A temperatura máxima em que a cidade chegou foi 39,4°C, ficando logo atrás de Campina Verde no Triângulo Mineiro, que permanece liderando a maior temperatura do ano com 39,8°C no dia (7/9)”.
 

* Estagiária sob supervisão do subeditor Frederico Teixeira 
 
 
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade