Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

BH tem queda na ocupação das UTIs, mas a das enfermarias sobe

Transmissão do novo coronavírus se manteve no mesmo patamar do boletim anterior, dentro da zona controlada


03/08/2021 19:26 - atualizado 03/08/2021 21:33

Atual cenário dos indicadores da pandemia em BH(foto: Janey Costa/EM/D.A Press)
Atual cenário dos indicadores da pandemia em BH (foto: Janey Costa/EM/D.A Press)
 

 

Os indicadores da pandemia pouco se alteraram nesta terça (3/8) em relação ao boletim dessa segunda (2/8). A transmissão do novo coronavírus, por exemplo, permaneceu em 0,9, dentro do patamar controlado.

 

 

 

No atual cenário, 90 pessoas se tornam vítimas da pandemia, em média, a cada 100 diagnósticos confirmados na capital mineira.

 

 

 

Já a ocupação dos leitos de UTI para COVID-19 nos hospitais públicos e privados caiu de 60% para 57,7%. Portanto, permanece na zona de alerta pelo 28º boletim em sequência.

 

 

 

Por outro lado, a situação das camas de enfermaria na soma entre o SUS e a rede suplementar piorou: de 46,3% para 48%. Mas, continua no estágio de controle pelo sétimo balanço consecutivo.

 

Casos e mortes

 

O número de mortes por COVID-19 aumentou em 19 na cidade nesta terça. Agora, são 6.272 vidas perdidas para a pandemia.

 

Já o total de casos teve um crescimento de 1.325. Portanto, BH soma 261.717 diagnósticos: 3.611 ainda em acompanhamento e 251.288 pessoas recuperadas, além daqueles que moraram.

 

Vacinação

Vacinação em BH nesta terça: cidade tem 64,5% dos adultos com ao menos uma dose do imunizante(foto: Edésio Ferreira/EM/D.A Press)
Vacinação em BH nesta terça: cidade tem 64,5% dos adultos com ao menos uma dose do imunizante (foto: Edésio Ferreira/EM/D.A Press)
 

 

Belo Horizonte chegou à marca de 30% do seu público-alvo da campanha de vacinação contra a COVID-19 totalmente imunizado. Nesta terça (3/8), os indicadores da doença pouco se alteraram e permaneceram no mesmo patamar da escala de risco dos últimos dias.

 

Conforme o boletim epidemiológico e assistencial da prefeitura, 630.810 pessoas já completaram ao esquema vacinal. Outras 58.753 tomaram a fórmula da Janssen (Johnson & Johnson), aquela de dose única.

 

Ao mesmo tempo, a prefeitura desempenhou 1.422.161 vacinas de primeira dose até esta terça. Portanto, 64,5% do público-alvo já recebeu ao menos a injeção inicial.

 

Em relação ao balanço anterior, a prefeitura aplicou mais 20.655 imunizantes nesta terça: 4.223 de primeira etapa e 16.432 de segunda.

 

Segundo números da prefeitura, já se vacinaram com a primeira dose:

 

  • 468.227 idosos acima de 60 anos
  • 208.703 pessoas do grupo de risco, deficientes e beneficiários do BPC
  • 12.356 gestantes e puérperas
  • 201.635 trabalhadores da saúde
  • 18.847 servidores da segurança pública
  • 69.571 profissionais da educação
  • 407.037 entre 36 e 59 anos
  • 35.785 de outros grupos, como moradores em situação de rua, motoristas e garis

 

Já com a segunda injeção se imunizaram:

 

  • 421.736 idosos acima de 60 anos
  • 24.641 pessoas do grupo de risco, deficientes e beneficiários do BPC
  • 1.335 gestantes e puérperas
  • 159.059 trabalhadores da saúde
  • 1.769 servidores da segurança pública
  • 58.753 pessoas entre 36 e 59 anos (dose única)
  • 22.270 de outros grupos, como moradores em situação de rua, motoristas e garis

 

A cidade recebeu 2.432.082 vacinas até aqui. A PBH não informa mais quantas doses recebeu de cada fórmula.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade