Publicidade

Estado de Minas EDUCAÇÃO

Pais terão que assinar termo para retorno dos filhos às aulas em Araxá

Documento é válido para retorno às atividades na rede municipal. Pais que optarem pela permanência dos filhos no modelo on-line não serão penalizados


24/06/2021 20:02 - atualizado 24/06/2021 20:07

Distanciamento entre carteiras e uso de máscaras são requisitos estabelecidos no protocolo da Vigilância Sanitária de Araxá para volta às aulas(foto: Colégio Salesiano Dom Bosco Araxá / Divulgação)
Distanciamento entre carteiras e uso de máscaras são requisitos estabelecidos no protocolo da Vigilância Sanitária de Araxá para volta às aulas (foto: Colégio Salesiano Dom Bosco Araxá / Divulgação)
A Prefeitura de Araxá, no Alto Paranaíba, instituiu que pais e responsáveis por estudantes da rede pública deverão assinar um termo de responsabilidade para a volta dos alunos às aulas na rede municipal, prevista para o dia 5 de julho.
 
O retorno gradual das atividades nas escolares municipais será feito nos modelos remoto e híbrido (desde que o protocolo de segurança seja aprovado pela Vigilância Sanitária Municipal).
 
Entre os protocolos estabelecidos para escolas, tanto municipais quanto particulares, estão o uso de máscaras e de copos e garrafas individuais, e do distanciamento social. Além disso, os prédios e mobiliários deverão ser constantemente esterilizados.
 
As turmas deverão ser divididas em subgrupos, com escalonamento dos dias, horários ou turnos de presença, sendo respeitada a capacidade máxima das salas.
 
Cada escola deverá organizar grupos de até 10 alunos por sala, podendo este número ser ampliado, desde que respeitado o distanciamento de no mínimo 1,5m entre os estudantes e respectivas carteiras.
 
As aulas ocorrerão nas duas primeiras semanas de julho, em horário reduzido. No período da manhã, será das 7h às 9h30, e à tarde, das 13h às 15h30.

O lanche será distribuído na sala, em embalagem própria. Porém, a ingestão do alimento será feita fora da escola, preferencialmente em casa.
 
“Estamos muito felizes por este momento e queremos que tudo seja com muito cuidado e segurança. Assim, poderemos, pouco a pouco, voltar às nossas escolas de forma segura. Todas as medidas de prevenção no combate à COVID-19 foram adotadas, considerando as características específicas de cada unidade. Implementamos uma rigorosa rotina de higienização para oferecer um ambiente seguro a alunos, professores e funcionários” destaca a secretária de Educação, Zulma Moreira.
 
Pais e responsáveis poderão optar pela permanência de estudantes no ensino remoto, sem risco de penalizações.
 
As datas para retorno das unidades de ensino da rede estadual e federal serão definidas, respectivamente, pelo governo de Minas e pelo governo federal.
 
Escolas particulares de Araxá retomaram as atividades no modelo híbrido esta semana(foto: Colégio Salesiano Dom Bosco Araxá / Divulgação)
Escolas particulares de Araxá retomaram as atividades no modelo híbrido esta semana (foto: Colégio Salesiano Dom Bosco Araxá / Divulgação)
 
 

Retorno das escolas particulares

Araxá conta com 10 escolas particulares e cinco conveniadas com a prefeitura, atendendo públicos do ensino infantil ao médio.
 
Todas elas tiveram autorização, por meio do protocolo de biossegurança aprovado pela Vigilância Sanitária, para voltar a receber os alunos no modelo híbrido a partir da última segunda-feira (21/6). Três retomaram as atividades na terça (22/6) e as demais, na quarta-feira (23/6).
 
Apenas uma instituição, o Centro Desenvolvimento Humano (CDH) da Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM), atuante no ensino infantil, anunciou que voltará com aulas presenciais apenas em agosto.
 
O protocolo completo estabelecido para as atividades no modelo híbrido em Araxá pode ser acessado no site da Portaria da Secretaria Municipal de Educação.
 
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade